Saiba o que é melasma e como tratar

Melasma é o nome que damos para aquelas manchas escuras ou acastanhadas, que aparecem mais comumente na face, principalmente nas “maçãs do rosto”, testa e lábio superior (o chamado “buço”). Elas têm formatos irregulares e geralmente são simétricas, aparecendo nos dois lados do rosto.

O melasma é uma das maiores queixas nos consultórios dos dermatologistas e um dos problemas de pele mais difíceis de serem tratados. É considerado uma doença crônica, com períodos de melhora e piora e surge mais em mulheres na idade entre 20 a 50 anos, mas também pode ocorrer nos homens.

Apesar de não apresentar complicações referentes à própria doença, trata-se de manchas em áreas visíveis do rosto causando grande incômodo estético, as pessoas se sentem constrangidas, tornam-se tristes e retraídas, procuram esconder a mancha a todo custo, prejudicando sua qualidade de vida e o convívio social.

Causas:
O melasma é causado por uma produção aumentada da melanina, proteína que dá a coloração da pele. Os fatores que causam este aumento são:

1) Exposição ao sol: a radiação ultravioleta (UV) estimula a produção da melanina.
2) Hormônios da gravidez: o melasma na gestação surge por conta do aumento de hormônios que ativam a produção de melanina.
3) Pílula anticoncepcional: neste caso, as manchas podem surgir em mulheres com predisposição genética e que tiveram contato com a radiação solar sem o uso adequado do protetor;
4) Luz visível: é toda luz que enxergamos a olho nu – lâmpadas artificiais, telas de computador, TV e até mesmo do celular- e que estimulam a produção da melanina. Ou seja, até em um ambiente fechado é essencial o uso do protetor solar.

Tratamento:
Não existe cura para o melasma, porém há diversas opções de tratamento. A escolha é feita por meio de uma consulta bem orientada e decidida em acordo entre o paciente e o dermatologista.

Em casa pode ser feita a aplicação de cremes clareadores à base de ácido retinóico ou glicólico, hidroquinona, ácido kójico, arbutin, entre outros. Na maioria dos casos os resultados começam a aparecer de dois a três meses do seu uso.

Existem também os tratamentos realizados em consultório:
– Microagulhamento: um rolinho de pequenas agulhas que provocam microperfurações na pele e reduzem a pigmentação.
– Peelings químicos: aplicação de ácidos que facilitam a penetração dos despigmentantes e ajudam a remover o pigmento das camadas superiores da pele.
– Lasers: há algumas formas de energia luminosa que podem ajudar no tratamento do melasma. Porém, se forem utilizados de forma inadequada, estimulam o escurecimento das manchas.

O protetor solar é fundamental e a reaplicação deve ocorrer várias vezes ao dia, idealmente a cada 2 ou 3 horas. O fator de proteção (FPS) de no mínimo 30 é o mais recomendável. Além disso, durante o tratamento não é recomendável a exposição aos raios solares, para que os sintomas não retornem.

Prevenção:
O melasma é teimoso – basta uma nova exposição desprotegida para que o problema volte com tudo. Portanto, mesmo que ele clareie, o tratamento deve continuar para manter o resultado. Esta é a chamada de “fase de manutenção” que tem como ponto principal a proteção solar que deve ser mantida diariamente.

Portanto, converse com o seu médico dermatologista para que ele possa indicar os melhores tipos de produtos para a sua pele e, ainda, o tratamento ideal para o seu caso. Busque sempre a estabilização dos benefícios já alcançados e tome muito cuidado com soluções milagrosas e que prometam cura total do quadro.

Por

Dra. Giane Pelegrini

Médica Dermatologista

CRM/SC 11585 RQE 12128

Edifício Seixas Business Tower

Rua Dr. Nereu Ramos, 197 | Sala 805 | Centro – Itajaí – SC

(47) 3311-3223 / 98866-8336

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s