Verão Laranja: previna-se do câncer de pele

Verão é tempo de praia, piscina, dias ensolarados e atividades ao ar livre, um período em que nossa pele fica mais exposta ao sol. Mas também é época de conscientização sobre o câncer de pele, que é o mais frequente no Brasil e corresponde a 30% de todos os tumores malignos registrados no país.

Vivemos em um país tropical onde o padrão de beleza predominante é a pele bronzeada. Isto faz com que muitas pessoas se exponham ao sol de forma intencional durante o lazer ou mesmo de forma não intencional durante o trabalho ou nas atividades do dia a dia. O sol é fonte de alegria e bem-estar e os seus efeitos benéficos, como a participação na produção da vitamina D, são bem conhecidos. Porém, em excesso pode provocar queimaduras e a longo prazo, pode trazer malefícios como o envelhecimento precoce e o câncer da pele.

O QUE É CÂNCER DE PELE?

É o crescimento anormal e descontrolado das células que compõem a pele. Essas células se dispõem formando camadas e, de acordo com o tipo afetado, são definidos os diferentes tipos de câncer. A sua principal causa é a exposição aos raios solares, também chamados de raios ultravioleta (UV). Esses raios agridem a pele, causando um dano ao DNA das células normais, podendo levar ao desenvolvimento de um tumor. Outros fatores envolvidos são alterações genéticas e hereditariedade.

PESSOAS QUE TÊM MAIOR RISCO DE DESENVOLVER CÂNCER DE PELE:

– pele clara, olhos claros, cabelos loiros ou ruivos

– que se queimam com facilidade e nunca se bronzeiam

– com muitas pintas (mais de 50 pintas pelo corpo)

– com antecedente familiar (parentes de primeiro grau -filhos, irmão ou pais- que já́ tiveram um câncer na pele).

– que já́ tiveram câncer de pele

– que tiveram queimaduras solares na infância ou adolescência

– que fizeram bronzeamento artificial

CUIDE-SE:

O câncer de pele é o tumor mais fácil para diagnosticar, pois está́ na parte exterior do corpo. Todo mundo deve se olhar sem roupa em frente ao espelho.

Deve-se procurar um médico dermatologista ao verificar alterações em sinais, pintas, manchas na pele ou feridas que sangram e não cicatrizam. Na consulta, o profissional analisa a forma, tamanho, cor e diâmetro da lesão da pele, e em caso de suspeita da doença, pode requisitar outros exames, como biópsias.

Todo mundo quer se divertir, aproveitar o verão. A intenção é se expor de maneira racional e adequada, protegendo-se para prevenir um câncer da pele. Quanto mais cedo ele for diagnosticado, maiores as chances de cura!

Aproveite a piscina, o mar, a sombra e a água fresca neste verão, mas com responsabilidade!

Por

Dra Giane Pelegrini

Edifício Seixas Business Tower
Rua Dr. Nereu Ramos, 197 • Sala 805 (esquina com Av. Marcos Konder – ao lado do Hospital Marieta) Centro – Itajaí |SC

(47) 3311-3223 | 98866-8336
http://www.gianepelegrini.com.br
FACEBOOK – @dra.giane.pelegrini
INSTAGRAM – @dra.giane.pelegrini

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s