As maravilhas da Ilha do MeL

Você conhece a Ilha do Mel? Um
paraíso no Sul para quem busca um
verdadeiro contato com a natureza!
Para a reabertura pós-pandemia,
os turistas devem cumprir diversas
exigências para entrar no destino, como reserva antecipada de hospedagem, uso de máscara, aferimento de temperatura e distanciamento social. A ilha é bem tranquila; tem muitas trilhas e grandes faixas de areia praticamente desertas. É ideal para quem busca isolamento e fuga de locais muito aglomerados.


Lá não tem carros e a única forma de transporte é andar a pé, alugar uma bike ou no máximo contratar um carrinheiro para levar suas malas (mas aviso que os valores são altos).
Para chegar existem duas opções: pegar a famosa barca para a ilha (é bom reservar com antecedência e consultar horários) ou então contratar uma embarcação privativa para levar você (os hotéis indicados fazem essa mediação). É possível sair de Paranaguá (cerca de 1h30 de navegação) ou de Pontal do Sul (apenas meia hora de navegação). O carro você deixa em estacionamentos disponíveis no continente.
Opções de desembarque: Encantadas (no sul da ilha) e Nova Brasília (no centro da ilha). É importante verificar qual a opção de desembarque mais próxima do seu hotel.


O QUE FAZER?


Tudo na ilha é relacionado com a natureza, paz e tranquilidade. É um lugar para esquecer programações intensas e aproveitar o barulho do mar, perder-se nas trilhas sem pressa. Mas os locais que merecem destaque são a Gruta de Encantadas, Farol das Conchas e a Fortaleza de N.S dos Prazeres, todas abertas ao público sem custo. A Praia de Fora é o principal point de surf da ilha.


O QUE LEVAR?


POUCA COISA! Lembre-se, você possivelmente vai ter que carregar sua bagagem até a pousada. Então, peças leves de praia, repelente para mosquitos, protetor solar, lanterna para as trilhas, boné, tênis, chinelo (não ande descalço na ilha em hipótese alguma) e um moletom porque à noite pode cair a temperatura. A ilha é um lugar para descansar e curtir a natureza; então, não se apegue tanto a looks exuberantes. Por lá, o mais importante é o conforto.


ONDE FICAR?


Astral da ilha: essa pousada, como o nome já diz, tem uma atmosfera muito bacana. Você se sente um pouco na Indonésia, já que várias peças, como as portas de entrada dos chalés, foram trazidas de lá. Um ponto alto que eu gostei é a localização, muito próxima ao Farol das Conchas. Desembarcando em Brasília, são cerca de 15 minutos (800 metros) de caminhada. O restaurante conta com uma gastronomia muito boa. Outro grande diferencial é que o hotel disponibiliza estacionamento e transporte privativo para seus hóspedes (usei a aprovei).


Grajagan: uma experiência de conforto à beira da Praia Grande. O diferencial é a localização cercada pela natureza em harmonia com o meio ambiente. É um pouco mais distante do desembarque em Brasília, cerca de 25 minutos de caminhada. Destaque para a estrutura com sala de jogos, restaurante e vários pontos de descanso e contemplação da natureza.
Seja para se conectar com a natureza, descansar ou aproveitar o tempo com alguém especial, a Ilha do Mel é um destino que merece fazer parte dos seus
planos.

Espero que você aproveite
as minhas dicas e explore este paraíso em breve.


Por
JULIANA TULIO
PROPRIETÁRIA HOTEL BOUTIQUE VILLA DO VALE

PARA MAIS DICAS DE HOSPEDAGENS E HOSPITALIDADE, CONFIRA MEU INSTAGRAM: @JULIANASTULIO

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s