CONFIRA 6 DICAS DE OURO PARA MELHORAR SEU BEM-ESTAR NO DIA A DIA

As pessoas, cada vez mais, vivem uma rotina corrida, no qual, muitas vezes, atitudes pequenas passam despercebidas e podem alterar sua qualidade de vida. Algumas dicas simples, quando seguidas regularmente, podem mudar, inclusive, seu bem-estar. Para estarmos bem, é necessário cuidarmos de todas as esferas de nossa vida, desde a saúde física até as nossas emoções.

Cultivar o equilíbrio, a partir de práticas rotineiras, é o que vai deixar a mente saudável. Ficar livre de culpas, de frustrações, desentendimentos e demais emoções negativas é um caminho longo, mas você pode começar com algumas atitudes interiores, como as que vamos apresentar agora.

Confira, neste texto, 6 dicas importantes para que você possa aumentar o bem-estar em seu dia a dia e ter mais qualidade de vida. Boa leitura!

1. Tenha uma visão positiva

Tudo começa dentro de nós mesmos. Se não estamos felizes conosco, passamos a focar nas dificuldades e nos problemas, e nunca no lado positivo ou na solução. Portanto, ter uma visão positiva de mundo, enxergar o lado bom das coisas e ser otimista são aspectos relevantes e necessários para se alcançar a felicidade e o bem-estar.

Não se esqueça de que estar plenamente feliz não pode passar a ser uma busca frenética. É essencial usufruir das pequenas coisas do dia a dia e viver o presente da melhor forma possível. É o pé no chão agora e a visão no futuro, certo?

2. Invista no autoconhecimento

Investir em autoconhecimento é procurar maneiras de conhecer-se a si mesmo, ou seja, trata-se da capacidade de olhar para dentro e conhecer quais são suas virtudes, seu defeitos, suas forças, suas fraquezas, seus medos e frustrações.

Autoconhecimento, portanto, é compreender cada detalhe que se passa dentro de você, sejam anseios, pensamentos e emoções. Quando você passa a se conhecer melhor, você acaba abrindo um leque de oportunidades para crescer pessoal e profissionalmente.

Existem muitas formas de se autoconhecer. Os monges, por exemplo, buscam se autoconhecer por meio da solitude e do isolamento voluntário. Outras pessoas conseguem por meio da yoga e da meditação. Alguns buscam ajuda com um psicólogo. Enfim, seja qual for a forma que você escolher, tenha certeza que ela vai exigir muita dedicação, força de vontade e concentração de sua parte.

3. Faça terapia

Há diferentes modos e tipos de terapia, desde as convencionais até as alternativas. Quanto às terapias convencionais, existem aquelas realizadas com ajuda e acompanhamento de psicoterapeutas, psicólogos e psiquiatras. 

Entretanto, há também vários outros tipos de terapia, muito mais acessíveis, fáceis e alternativas que são muito usadas por pessoas que buscam solucionar situações pendentes, problemas e encontrar conforto espiritual e emocional. Veja, a seguir, quatro exemplos de terapias alternativas que vão ajudar você a ter mais bem-estar na sua rotina e conquistar seus objetivos de maneira mais positiva, fácil e clara. 

3.1. Cristaloterapia

Essa terapia é caracterizada pelo uso terapêutico dos cristais para efeitos de cura. Esses cristais podem ser usados como objetos de decoração ou em forma de acessórios. 

3.2. Musicoterapia

A musicoterapia faz uso da sinergia dos ritmos para atrair boas energias e positividade. A partir de diferentes melodias, a terapia é usada para tratar, reabilitar e prevenir diferentes tipos de perturbações e doenças. 

3.3. Florais de Bach

Os Florais de Bach, usados principalmente para ajudar no controle da ansiedade e de várias outras perturbações emocionais, são produzidos por meio de essências florais. 

3.4. Quiropraxia

A quiropraxia é usada especialmente na prevenção e no tratamento de problemas ligados ao sistema neuro-músculo-esquelético. 

4. Reserve um tempo para o lazer

Encontrar um tempo para o lazer em meio a trabalho, atividades domésticas e estudo é imprescindível para garantir bem-estar no seu dia a dia. O conceito de tempo de lazer é amplo mas, podemos dizer que é qualquer momento que você disponibiliza para realizar atividades que goste muito e que o leve a pensar fora do usual.

Então, dedique um tempo para viajar, passear, reunir os amigos e fazer outras atividades que proporcionem prazer. Quanto tempo você deve reservar para isso? A definição do melhor tempo para o lazer vai de acordo com a sua rotina, mas quanto mais tempo melhor, dentro do que você realmente precisa. Algumas pessoas precisam de 3 horas, outras de 6 horas e algumas até de 24 horas, por exemplo. Tente o máximo que você puder.

5. Conheça práticas de relaxamento

É importante conhecer algumas práticas que podem proporcionar relaxamento e bem-estar, como yoga e meditação.

A meditação tem efeito extremamente calmante na mente e no corpo: reduz a pressão arterial, baixa a frequência cardíaca e aumenta o fluxo sanguíneo até o cérebro. Já a yoga faz uso de técnicas mentais e corporais milenares capazes de acalmar e de limpar o organismo de energias negativas.

Por meio do autoconhecimento que as técnicas possibilitam, você começa a ter bons hábitos. Isso melhora a qualidade de vida, do sono, da respiração, do controle dos processos mentais e ainda traz muita tranquilidade. Outros exemplos de práticas que podem auxiliar no relaxamento são pilates, acupuntura, automassagem, dança, viagem, ou até mesmo a leitura de um livro. Basta descobrir o que combina com você e começar a praticar quanto antes.

6. Aproveite o momento (mindfulness)

Mindful é um termo derivado de mindfulness, que quer dizer um estado de atenção plena no agora, ou seja, ao momento presente, sem reatividade e com foco total. Vamos pensar sobre quanto tempo ao longo do dia estamos realmente presentes sem julgamento e em totalidade com o momento? Tenha certeza de que encontrar sua atenção plena é o passo certeiro para uma vida mais equilibrada.

Crie um espaço de tempo entre observar, agir e julgar, pois fazer isso vai garantir uma redução das atitudes automáticas e refletidas, conquistando efeitos como criatividade, bem-estar, autocompaixão e inteligência emocional. Onde quer que você esteja, fique lá física e, também, mentalmente.

Há muitas consequências para o futuro em não adotar ações diárias que possam trazer maior bem-estar e qualidade de vida. Algumas que podemos citar são:

  • dores físicas;
  • humor instável;
  • insônia;
  • conflitos de relacionamento;
  • baixa autoestima;
  • memória fraca;
  • sentimento de estagnação;
  • resistência e
  • baixa disposição.

Enfim, o bem-estar é uma sensação de prazer e de contentamento em relação à nossa vida e a todas as tarefas que fazemos ao longo do tempo. É, portanto, um aspecto indispensável para nossa saúde plena. Tenha em mente que o conceito de saúde não se refere, somente, à ausência de doença, mas a diversos fatores, como o bem-estar físico, mental e social, apontados pela Organização Mundial da Saúde (OMS). Então siga essas dicas relevantes e melhore o seu bem-estar no dia a dia para ser mais feliz!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s