Você está lidando com pessoas difíceis?

Sabemos que a conservação de um relacionamento não é uma tarefa fácil. Às vezes somos traídos por um amigo; humilhado por chefes; deixado por uma mulher; excluído pela família, e assim por diante. Mas o que fazer diante de pessoas difíceis? 

Vamos pensar juntos, se você estivesse responsável por uma tripulação, na qual, você não gosta, seria o caso de você afundar o navio? Pular à deriva? Quem sabe continuar nele? Será? Se acontecesse uma tempestade, você ajudaria alguém desta tripulação, da qual, você não se agrada? 

É provável que sim, afinal vocês estão no mesmo barco, navegarão ou afundarão juntos. Certo?! Entenda que, encontramos pessoas difíceis em todos os lugares, na nossa família, na vizinhança, na igreja e no trabalho. Certamente há relacionamentos que exigem alta manutenção, para que funcionem melhor. 

“Todos nos tornamos a pessoa problemática de outrem, em algum determinado momento. Mas é raro que uma pessoa seja a pessoa problemática de todos o tempo inteiro. É por isso que um bom princípio a ser seguido é nos lembramos que, a dificuldade que você experimenta com a pessoa mais complicada está no seu relacionamento e não na pessoa em si. Afinal, uma pessoa com a qual você mantém um bom relacionamento pode manter um relacionamento bem normal com outra pessoa que você não consegue SUPORTAR”. (Lesparrott, 2014). 

Pense nisso!


Sue-Ellen Berger

CRP 12/16759

Psicóloga Clínica

Neuropsicóloga

📱 (47) 9 9756-4011

Neuroclin

Rua Umbelino Damásio de Brito, 126 – Centro | Itajaí -SC

@neuroclin.sc

@sue_ellen_berger

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s