E quando o diagnóstico apaga o lugar do seu filho?

Muitas vezes, o diagnóstico chega como algo avassalador, merecendo um lugar de destaque. Chega até a apagar a sua criança, escondendo o que ela tem de melhor, não é mesmo!?

E o pior, é que muitas famílias (na melhor da boa intenção) se submetem a isso, colocando o diagnóstico acima de tudo. Aprendem tudo sobre o tal transtorno, se especializam, e pra quê?

Posso dizer, que enquanto se vive buscando saber mais profundamente sobre um diagnóstico como o autismo por exemplo, você pode acabar se desconectando do seu filho. Não estou dizendo pra não buscar informações, pelo contrário. Mas não faça disso, seu principal objetivo.

Vá até onde você pode, você não precisa ser especialista no diagnóstico do seu filho, para isto, conte com os profissionais aliados. Busque só o que você precisa. E se aprofunde na sua maternidade/paternidade e no seu filho. Entenda as entrelinhas dos comportamentos, olhe com compaixão. Seu filho ainda continua no mesmo lugar, ainda é o mesmo.

Seu filho precisa da sua estimulação? Claro que sim, mas precisa ainda mais de pais amorosos, flexíveis, que se doam, e que não queiram ser os terapeutas dele o tempo todo, sejam pais!

Seja mais gentil com você mesmo, seu filho te espera ali, além do diagnóstico.


Priscila Mafra | CRP 12/16760

Psicóloga da Infância e Adolescência | Neuropsicóloga

📱 (47) 9 9187-3668

Neuroclin

Rua Umbelino Damásio de Brito, 126 – Centro | Itajaí -SC

@neuroclin.sc

@psicologapriscilamafra

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s