Porto Belo ganha primeiro residencial com duas torres frente mar

Porto Belo, na Costa Esmeralda, ganhou um empreendimento imobiliário inédito. Pela primeira vez, uma incorporadora entregou um residencial com duas torres frente mar. O Torri di Mare foi construído com fachada contemporânea, dois apartamentos por andar e sacadas fechadas em reiki.

O empreendimento reúne sofisticação e localização privilegiada, além de possuir ambientes internos integrados, piscinas aquecidas em uma área de lazer com quase 500 metros quadrados, box para artigos de praia e calibrador de pneu para carros.

Assinado pela construtora GM Selent, o edifício localizado a beira mar de Balneário Perequê atende à crescente demanda por imóveis de alto padrão, seja para viver ou investir no litoral de Santa Catarina. Na “torre uno”, os apartamentos têm quatro suítes e três vagas de garagem. Na “torre due”, são três suítes e duas vagas de garagem.

O projeto impressiona não apenas pela beleza da fachada, mas pela forma como cada ambiente foi pensado. “Balneário Perequê tem se tornando, cada vez mais, endereço de desejo para muitas famílias que querem viver, investir ou veranear na Costa Esmeralda. O Torri di Mare deu início a uma nova fase do mercado de construção civil nesta região”, cita Gabriel Selent Gargano, proprietário da GM Selent.

Mercado em alta

A alta crescente deste mercado no litoral do Estado tem ajudado a atrair novos negócios e empreendimento para a região. A variação positiva de 25,45% no valor médio do metro quadrado residencial para venda nos últimos 12 meses na vizinha cidade de Itapema, segundo dados do Índice FipeZap, desenvolvido pela Fipe e Portal ZAP, mostra um segmento altamente aquecido e explica parte do movimento econômico que tem feito a região da Costa Esmeralda ser atrativa para diferentes tipos de negócios. É uma das maiores variações positiva do país, segundo o levantamento.

De acordo com a Associação Brasileira de Incorporadoras Imobiliárias (Abrainc), o crescimento do mercado imobiliário segue como um dos protagonistas da recuperação econômica do Brasil. O número de novos imóveis comercializados no País aumentou 6,2% no primeiro trimestre na comparação anual. Ao todo, foram vendidas 36,9 mil unidades. Os segmentos de médio e alto padrão continuaram em ampla expansão e apresentaram alta de 109% no volume de imóveis comercializados no trimestre em relação ao mesmo intervalo de 2021, com 9,5 mil unidades.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s