O ESVAZIAR DA CAIXINHA

Estudos científicos apontam fatores determinantes para o fracasso dos relacionamentos amorosos tais como: a ausência de diálogo, desrespeito, imaturidade emocional, traumas psicológicos, falta de afinidades.

A falta de diálogo é crescente em um mundo encapsulado, isto é, cada um em sua bolha, voltados para a sua tela. Muitos dos pensamentos, sentimentos, frustrações não são revelados e depositados nas caixinhas das emoções. O medo de expressar sentimentos evidencia a existência de cicatrizes psicológicas, ligadas a relações afetivas. O outro não tem a obrigação de detectar o que você não revela. O universo de cada ser é diferente, portanto, é necessário aprender a se comunicar. Respeitar é aprender a ouvir conectado com a pessoa e expressar o que está sentindo.

O amor maduro é decorrente da aceitação, admiração e respeito. O amor neurótico é consequência da imaturidade emocional, imputando ao outro o compromisso de suprir todas as suas necessidades, ao ponto de cerceá-lo. Neste caso temos os folgados, onde existir um folgado haverá um sufocado. O desrespeito através de comentários depreciativos, o rebaixamento da autoestima, as agressões verbais ou físicas são inegociáveis. A falta de afinidades, com o passar do tempo pode criar muros intransponíveis, onde o silêncio torna-se o personagem principal. Kaliu  Gibran pontua, “As grandes dores são mudas”.

Só nos resta esvaziar as caixinhas das emoções deixar jorrar o que está prestes a azedar, reprocessar as memórias traumáticas, dar vazão aos desejos, aprender a não reprimir sentimentos, a respeitar sua individualidade, como também a do outro, para amar e ser amado.


Claudete de Morais

CRP 12/01167

Doutoranda em Psicologia Clínica

@claudetedemorais_

www.claudetedemorais.com.br

📱 (47) 9 9274-6439

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s