Cenários de sonhos

Produzir uma festa infantil, com certeza, é uma tarefa que requer, além de muito conhecimento e bom gosto, atenção redobrada até nos mínimos detalhes. E isso, o empresário Juventino Scotti, graduado e pós-graduado em administração de empresas e que está à frente da Scotti Produções, faz com total maestria ao lado da sua mãe e sócia Angela Aparecida Scotti. Afinal, o público destes eventos tem o lúdico como inspiração e a Scotti Produções a nove anos é perita no assunto, transfonado os cenários das festas em verdadeiros sonhos.

Entre os diferenciais que fazem desta empresa tão renomada em fazer eventos encantadores, o empresário revela que a principal meta da empresa é a de oferecer uma experiência única aos seus clientes. “Não trabalhamos com festas iguais, oferecemos um serviço personalizado e exclusivo, onde em cada festa desenvolvemos um projeto de acordo com as necessidades e gostos do cliente. Hoje o cliente que nos procura é porque de fato quer uma experiência diferente, algo moderno e de bom gosto”.  Além disso, a empresa mantém com acervo próprio no Paraná, Santa Catarina e Rio Grande do Sul, onde também oferecem locação de materiais, como mobiliário, peças para doces, louças, toalhas e tudo mais o que for necessário para decorar uma festa. E nos outros estados, conta com a parceria de empresas terceirizadas de confiança.

Além das produções de festas e de marcar presença como decorador em stands de grandes empresas nas feiras do setor, Juventino executa também outras funções, ministrando cursos há dois anos, palestras, workshops, consultorias, além de ser YouTuber, com um canal com mais de dois milhões de visualizações. E não para por aí, o sucesso do seu trabalho já rompeu as fronteiras e atualmente seus cursos e workshops rodam também em outros países, como o Peru, que recentemente o recebeu.

Mas, de onde vem tanta inspiração? Segundo o empresário, para ele tudo o inspira. “Uma almofada com uma estampa bonita, um desenho em um prato de louça, um lugar que visito em viagem, vitrines, moda e, é claro, alguns profissionais do ramo que tenho grande admiração”, revela Juventino. E, para se manter atualizado, o empresário nos conta que investimentos são constantes, tanto em material, como em cursos na área, além de criação de conteúdo nas redes sociais e interação com o mercado por meio de feiras e eventos.

Já o segredo do sucesso, Juventino diz ser uma consequência do carinho e dedicação que emprega todos os dias no que faz. “Com essas duas coisas o sucesso vem automaticamente. Sempre procuro ser o melhor no que faço, independente do que seja. Hoje sou reconhecido pelo Book Festas Kids como um dos 40 melhores decoradores de festas infantis do Brasil, e ver também o meu trabalho sendo reconhecido por pessoas de outros países me deixa muito feliz e confiante em que estou no caminho certo”, finaliza.

SERVIÇO:

Scotti Produções

(48) 3039-6885 | 9 9149-6435

scottiproducoes@hotmail.com

Instagram: @scotti_producoes

São José | SC

Michelle Freitas participa do XV Congresso Internacional de Nutrição Funcional

O evento foi realizado nos dias 12, 13 e 14 no Centro de Convenções Frei Caneca na capital paulista

A nutricionista e gestora à frente da loja Cia da Saúde, Michelle Freitas, esteve presente, no último final de semana, no  XV Congresso Internacional de Nutrição Funcional, que aconteceu em São Paulo. Ao longo dos três dias de evento, Michelle participou de palestras e visitou stands de fornecedores e parceiros. Além disso, a nutricionista trouxe diversas novidades em produtos para loja Cia da Saúde Bistek Itajaí.

PILATES: UM GRANDE ALIADO À ANSIEDADE

Estresse no trânsito, lidar com várias cobranças no trabalho, cumprir prazos, filas para tudo, correria, não ter tempo nem para almoçar direito, encaixar o laser quando sobrar um tempo na agenda, trabalhar de 12 a 15 horas por dia, qualidade de sono péssimo. Ufa!! Só de pensar já cansa. Infelizmente esta é a rotina de várias pessoas deixando a saúde para segundo, ou até mesmo, terceiro plano. Vamos falar um pouco sobre uma doença silenciosa que está afetando muitos profissionais hoje em dia, a chamada “doença da modernidade”: a ansiedade.

A ansiedade é uma sensação ou sentimento decorrente da excessiva excitação do sistema nervoso central consequente à interpretação de uma situação de perigo. Por vezes a pessoa que sofre este transtorno sente uma necessidade de fazer coisas de forma a fugir do seu estado emocional para que se sinta melhor. Desta forma a pessoa fica com uma respiração curta, muitas vezes gera uma tensão nas partes dos ombros, pescoço assim tendo muitas vezes fortes dores de cabeça e na região do pescoço e no meio das costas tudo isso gerada pela tensão excessiva nesta região. Com uma respiração curta o músculo diafragmático fica tensionado não funciona adequadamente isso ocasionando muitos distúrbios no nosso organismo como dores de cabeça, doenças gastrointestinais e dores nas costas. Pois bem, o pilates é um grande aliado para combater a ansiedade pois o método trabalha com uma respiração própria onde irá potencializar muito a capacidade respiratória. Em todos os exercícios do pilates a ênfase é a respiração e também a contrologia (movimento com fluidez) com esta prática a pessoa começa a ter mais controle e levando para o seu dia a dia. O pilates traz inúmeros benefícios em pessoas ansiosas por modificar a capacidade respiratória. Quando uma pessoa ansiosa começa a controlar mais sua inspiração e sua expiração podemos obter uma melhora muito grande no seu tratamento com a ansiedade pois seu diafragma se torna mais competente e aí isso se torna um benefício para o seu dia a dia.

Se você sofre deste transtorno convidamos você estar reservando 1 hora do seu tempo para começar a praticar pilates conosco e sentir na pele esta mudança em sua vida!

Por

Cristina Muhlbrandt Keller

Educadora física

Especialista em pilates e em método hipopressivo

Studio Top Pilates

http://www.toppilates.com.br | 47 3045-2444 |   98861-5024

Av. 7 de Setembro, 1005 – Fazenda – Itajaí 

 

Sabores que aquecem a alma

A conceituada cake design, Michelle Ferreira, inaugura doceria em Itapema.

Sabe aqueles docinhos de festas infantis que, muito mais do que lindos, são super saborosos com gostinho de infância? Agora é possível degustá-los de terça a domingo, das 14 às 19 horas. Sim, a renomada cake design Michelle Ferreira, acaba de presentear a cidade de Itapema e região, com a abertura da Douce Maison. Em um ambiente aconchegante e para lá de especial, a doceria foi pensada carinhosamente para transportar o cliente a um mundo encantado repleto de flores. “Queremos que nossos clientes ao virem aqui tenham uma experiência única, que ultrapasse o simples fato de consumir algo e saciar uma vontade. Desejamos despertar em cada café ou doce uma emoção que lembre sua infância, isso porque, aqui na doceria, o principal ingrediente é o amor e queremos passar esse sentimento em cada detalhe que oferecemos”, destaca Michelle.

Sempre atenta e preocupada em atender com excelência a todos, além dos doces e salgados tradicionais, a Douce Maison oferece opções sem glúten e/ou lactose, veganas, cafés, chás, sucos, drinks e chocolate quente. Tudo com a mais alta qualidade para proporcionar momentos únicos. Cuidados esses que só alguém com o Know-how da Michelle poderia proporcionar. Afinal, sua trajetória de mais de sete anos nesse universo saboroso, transforando sonhos em delícias comestíveis, a tornaram uma expert no assunto.

E se você já é um fã das delícias que a cake design prepara e está prestes a realizar um evento, não se preocupe, além dos produtos a pronta entrega, ela continua firmemente com as encomendas. “Com certeza, as encomendas permanecem, até porque não poderíamos construir uma nova trajetória sem dar continuidade ao que nos trouxe até aqui. Agregamos serviços para continuar fazendo o que mais amamos, vendo no rostinho de cada criança um brilho especial ao verem seu personagem favorito em forma de doce”, finaliza.

Douce Maison

Rua 302 nº 5222 esquina c/ Av. Nereu Ramos – Meia Praia | Itapema -SC

47 9 9666-5440 | micakesc@gmail.com 

Instagram: michelleferreiracakedesign

Home for Kids Store

Produtos que decoram com carinho, beleza e funcionalidade.

 É fato que o décor infantil é apaixonante, repleto de possibilidades e que permite o lúdico ser presença certa. Mas, eles se tornam ainda mais especiais quando pensados carinhosamente, de forma exclusiva e feitos manualmente. Por isso, hoje apresentamos a você a Home for Kids Store, uma empresa que surgiu com a proposta de levar aos pequenos a exclusividade de produtos com matéria-prima de qualidade.

Além disso, sempre atentos as tendências do universo infantil, outro diferencial da Home for Kids Store está na segurança e cuidado com os produtos. Desta forma, tudo o que produzem visam de maneira integral o bem-estar dos pequenos, pois de acordo com a empresa, são utilizados materiais nocivos à saúde como, por exemplo, tintas atóxicas e nada que seja a base de solvente ou que contenha materiais como o vidro.

O sucesso das vendas, feitas exclusivamente pelo Instagram e para todo o Brasil, é comprovado com a demanda dos pedidos. Em apenas seis meses, foi necessário ampliar a linha que antes contava apenas com quadros, flâmulas e penduradores e, atualmente, oferece muito mais opções de acessórios totalmente artesanias. Se encante!

SERVIÇO:

Home for Kids Store

@home_for_kids_store

homeforkidstore@gmail.com

47 99183-1559

Falando de Pato

Os patos tais como o conhecemos, são primos dos cisnes, gansos e marrecos e é uma das aves mais antigas que se tem notícia, havendo relatos de que eles já eram domesticados pelos antigos egípcios e estão distribuídos no mundo inteiro, menos no continente antártico. Na América do Sul, quando os primeiros portugueses chegaram no século XVI, os índios já criavam e caçavam patos selvagens tanto pela carne como pelos ovos.

Eu diria que há basicamente três tipos de patos: os selvagens que são caçados em determinadas épocas de acordo com a espécie; os domésticos criados a moda “caipira”, assim como as galinhas e os criados industrialmente para a comercialização da carne. Os patos selvagens e os domésticos criados soltos têm a carne mais dura e mais escura. A carne do pato é muito saborosa e a sua cor mais escura se deve a sua alimentação que inclui, além do milho, pequenos insetos e peixinhos.

Os peitos normalmente são servidos grelhados e as coxas normalmente são confitados, ou seja, cozidas lentamente em sua própria gordura. Também podem ser cozidos, ou assados ou fazer deliciosas terrinas.

FOIE GRAS: Significa literalmente fígado gorduroso e pode ser obtido tanto do pato como do ganso, sendo que o desse último é bem mais valorizado por causa do seu sabor. Essa é uma iguaria das mais antigas que existem. Os antigos romanos os alimentavam com figos e mel. Hoje em dia é utilizado basicamente milho. Para aqueles que os apreciam, e aí eu me incluo, trata-se uma cirrose. Isso mesmo. A alimentação forçada faz com o pato chegue até a 8 quilos e o seu fígado, que normalmente pesaria no máximo 50 gramas, chega a atingir até 660 gramas. Atualmente sua produção é bastante controversa pois trata-se de uma crueldade com os animais. Ok, mas é bom então esclarecermos algumas coisas: a galinha que compramos no supermercado e cujo peito é o queridinho das dietas é criada de forma intensiva e à noite as luzes são acesas para que elas não percebam que é noite e está na hora de dormir e, consequentemente, não parem de se alimentar. Sua curta vida de 45 dias é um stress do dia em que nascem até a hora do abate. Mais uma: comeu tainha esse ano? Espero que sim. Eu adoro, mas você já assistiu um lanço? É fantástico ver aquele monte de peixes pulando e se debatendo não é mesmo? Saiba que na verdade elas estão morrendo sufocadas, pois fora da água não conseguem respirar. É uma agonia que dura uns bons 15 a 30 minutos. Então meu caro defensor dos animais, quando levantar o dedinho ou abrir a boca para protestar contra o foie gras, seja coerente e lembre-se das galinhas e das tainhas. A propósito, caso encontrem no menu de algum restaurante da nossa região “magret” de canard o mmias provável seja peito de pato, porque o magret é retirado dos patos que foram engordados para produção de foie gras e o seu peso chega até 600 gramas cada, enquanto o peito tem em torno de 200 gramas.

PATO AO TUVCUPI: é a única receita genuinamente brasileira. Feita com o tucupi – suco extraído da mandioca brava – e jambu uma erva típica da região norte do Brasil e que deixa a boca levemente dormente. O arroz de Pato é um clássico da cozinha portuguesa e muito fácil de ser preparado por qualquer dona de casa. Você vai precisar de: 01 pato inteiro; 03 cebolas cortadas em cubos grandes, 01 cenoura grande em cubos, 05 dentes de alho picados, 01 maço de salsa picada, ½ garrafa de vinho branco seco, 01 chouriço português – na falta use uma linguiça Blumenau sem a pele, um bom maço e aspargos, 500 gramas de arroz parboilizado. Modo de fazer: corte o pato nas juntas e refogue em uma panela funda, de preferência com azeite. Junte 02 cebolas e a cenoura e aloure. Ponha o vinho, os talos de salsa e as folhas de louro e deixe quase secar. Cubra com água e cozinhe até o pato ficar macio. Retire o pato, coe o caldo e reserve. Desfie o pato grosseiramente e reserve.  Limpe e cozinhe os aspargos e corte cada um em 5. Em uma panela esquente um pouco de azeite e frite levemente a linguiça cortada em rodelas, junte o alho e a cebola e refogue, coloque o arroz misture bem e ponha 1 litro de caldo. Quase ao final do cozimento junte a carne do pato e os aspargos, confira o tempero com sal e pimenta do reino branca, tampe a panela e desligue o fogo. Deixe assim por aproximadamente 30 minutos. Na hora de servir, esquente um copo do caldo de pato e coloque por cima. Rende aproximadamente 6 porções. Para acompanhar nada como um bom tinto português da região do Douro. Bom apetite!

Por

Renato Justo

Chef de cozinha

Abordagem psiquiátrica

Ainda existem dúvidas em relação a psiquiatria e ao psiquiatra e isso dificulta o seu acesso e piora o prognóstico dos transtornos mentais. Primeiro é importante entender que o psiquiatra é  o médico que fez residência ou especialização em psiquiatria. Lembrando que se o profissional for especialista, precisa ter o registro que é um número, o RQE (Registro de Qualificação de Especialidades). Isso faz toda a diferença.

O psiquiatra pode trabalhar com a prevenção, com o tratamento e com a reabilitação dos transtornos mentais que podem ser orgânicos ou funcionais e que apresentam sinais e sintomas psicológicos. O psiquiatra alivia o sofrimento psíquico independente da causa. Ele pode tratar depressão, ansiedade, esquizofrenia, outras psicoses, transtorno bipolar, demências, dependência química, transtornos alimentares, transtornos de personalidade e muitos outros.

A consulta é como a de um outro médico de outra especialidade. O psiquiatra irá querer saber sobre as queixas, mas muito mais do que isso, irá querer saber sobre toda a história biológica, psíquica e cultural do paciente, incluindo história familiar e religiosa. É muito importante que a avaliação seja o mais completa possível e por isso muitas vezes são necessárias mais de uma consulta de avaliação até fechar o diagnóstico e direcionar a conduta. O exame do estado mental ocorre basicamente através da conversa. Algumas vezes são necessários exames físicos, de laboratório ou de imagem, avaliações psicológicas, neurológicas ou neuropsicológicas.

Em relação aos tratamentos em psiquiatria pode ser medicamentoso, psicoterápico, em regime de internação ou outros mais inovadores como a estimulação elétrica tránscraniana e eletroconvulsoterapia. Existe todo um arsenal terapêutico em psiquiatria. Mais especificamente sobre a psicoterapia existem diversas abordagens como a comportamental, de apoio, analítica, sistêmica e cada pessoa tem uma indicação. A psicoterapia pode ser realizada por psiquiatra que tenha formação ou por psicólogo, lembrando que um profissional não tem como dominar todas as abordagens ao mesmo tempo. O ideal é que diante de algum sofrimento psíquico haja avaliação do psiquiatra que direcionará para os profissionais e abordagens ideais.

O que eu percebo na psiquiatria é que o quanto antes se procura ajuda, mais fácil é o tratamento, com melhora mais rápida e sua manutenção a longo prazo. Então perca o medo e o preconceito, não perca tempo, procure um psiquiatra.

Por

Dra. Vanessa Adegas Menin

Psiquiatria e psicoterapia 

CRM – 22011 RQE 12908 

CLINSAM – Clínica de saúde mental 

Rua: Antônio Manoel Moreira, 140 – Itajaí

(47)4141.8781 (47)99641.8781

clinsam.dap@gmail.com 

desvendandoapsiquiatria.com.br

Instagram e Facebook: vanessapsiquiatra

Youtube: Desvendando a psiquiatria 

Acne

Acne é o nome que se dá para o que chamamos popularmente de “cravos” e “espinhas”. Trata-se de uma doença de pele que afeta uma estrutura chamada folículo pilo-sebáceo, formada por uma glândula sebácea e por um “canal” em que se forma o pelo.

A acne pode ter influência hereditária, além disso, está relacionada aos hormônios sexuais masculinos ou andrógenos, produzidos tanto em homens quanto em mulheres. A elevação destes hormônios durante a adolescência provoca um aumento da produção de gordura pelas glândulas sebáceas da pele, fazendo com que a doença seja muito comum na fase da adolescência. No entanto, não é exclusiva dessa faixa etária, podendo persistir na idade adulta e, até mesmo, surgir nesta fase, sendo mais frequente em mulheres.

Causas

Sabe-se que quatro fatores são importantes na formação desse quadro:

  • O excesso de óleo (sebo): a glândulas sebáceas produzem oleosidade em excesso.
  • Folículo obstruído: causado pelo sebo que não consegue fluir livremente para a superfície da pele. Se isto acontecer, surge o “cravo”.
  • Bactérias: No ambiente criado dentro do folículo obstruído, uma bactéria chamada Propionibacterium acnes se multiplica transformando o cravo em espinha.
  • Inflamação: As bactérias produzem substâncias inflamatórias que determinarão qual o tipo de acne se desenvolverá.

Como na adolescência a aparência é um fator importante, o comprometimento estético ocasionado pode atingir o lado psicológico e tornar o adolescente inseguro, tímido, deprimido, infeliz, com rebaixamento da autoestima e com cicatrizes que podem persistir pelo resto da vida. Quando necessário, deve ser fornecido suporte psicológico.

TRATAMENTO

É importante buscar ajuda dermatológica, o mais precocemente possível, mesmo se os sintomas forem leves, ou durante os primeiros estágios, pois o tratamento médico é recomendável não só por razões estéticas, mas também para evitar que a condição piore, além de prevenir cicatrizes (marcas da acne) tão difíceis de corrigir na idade adulta. Está ultrapassada a ideia de que não se deve tratá-la por ser considerada “própria da idade”, “de que vai desaparecer com o tempo” ou “de não ser doença”.

O tratamento da acne deve ser orientado por um médico dermatologista, que é o profissional capacitado para indicar os medicamentos ideais para cada caso. Ele varia de acordo com a gravidade do caso e o tipo de pele, e para o tratamento podem ser utilizadas tanto medicações orais, quanto locais.

É importante ressaltar que o tratamento para a acne leva tempo para fazer efeito. A regra geral é de 4 a 8 semanas, embora possa demorar até três meses, e os sintomas podem piorar antes de melhorar. Os pacientes podem desanimar e desistir com facilidade, por isso é importante insistir e manter a rotina, mesmo se não houver uma mudança imediata para melhor.

Independentemente do tratamento escolhido, alguns cuidados com a pele são sempre recomendados. São eles:

– Higienização da pele;

– Remoção diária da maquiagem;

– Uso de produtos oil-free ou não comedogênicos (incluindo o protetor solar).

– Não espremer as lesões! Ao espremer cravos e espinhas, há o risco de infecção, inflamação e cicatrizes.

– A limpeza de pele, que pode ser realizada por esteticistas devidamente capacitadas, tem ação importante para o esvaziamento de lesões não inflamatórias (cravos), evitando a sua transformação em espinhas.

– Apesar de não ter participação na causa da doença, a dieta pode ter influência no curso da acne em algumas pessoas. Dietas ricas em açúcar, leite e seus derivados devem ser evitados pelos pacientes que apresentem acne e percebam agravação dos sintomas após a ingestão dos mesmos.

Por

Dra. Giane Pelegrini

Médica Dermatologista CRM/SC 11585 RQE 12128

Edifício Seixas Business Tower
Rua Dr. Nereu Ramos, 197 • Sala 805 (esquina com Av. Marcos Konder – ao lado do Hospital Marieta) Centro – Itajaí |SC

(47) 3311-3223 | 98866-8336
http://www.gianepelegrini.com.br
FACEBOOK – @dra.giane.pelegrini
INSTAGRAM – @dra.giane.pelegrini

A prática do exercício físico contribuí também durante o tratamento de câncer

A atividade física promove o equilíbrio dos níveis de hormônios, reduz o tempo de trânsito gastrointestinal, fortalece as defesas do corpo e ajuda a manter o peso corporal adequado. Com isso, contribui para prevenir o câncer de intestino (cólon), endométrio (corpo do útero) e mama (pós-menopausa).

Conforme Battaglini et al. (2003), o exercício aumenta o volume cardíaco para suprir oxigênio e nutrientes e eliminar dióxido de carbono e resíduos metabólicos. Logo, o sistema respiratório lida com um aumento de trabalho, troca de oxigênio e gás carbônico entre sangue e atmosfera seguido do sistema nervoso e vários hormônios, que têm de integrar a resposta do organismo ao exercício e regular as mudanças metabólicas que ocorrem nos músculos e em outros tecidos.

Entretanto, para que o exercício seja efetivo e seguro nessa população, ele deve ser prescrito respeitando princípios como individualidade, tipo, intensidade, frequência e duração do exercício, incluindo no programa de treinamento tanto componentes anaeróbios quanto aeróbios.

Considera-se, portanto, que a prática de exercício físico durante o tratamento de câncer contribuiu com melhorias dos aspectos psicológico, social e físico, porém é importante considerar quais práticas podem ser desenvolvidas com esse público e em qual momento do tratamento essas podem ser inseridas.

Sempre com acompanhamento profissional capacitado.

Por

Raphael Mello Block 

(CREF-4547/SC)

Studio Top Physical

Personal Trainer & Ginástica Laboral

http://www.topphysical.com.br

fanpage:/studiotopphysical

47 3348-2424 (Agende a sua visita)

Rua: Lauro Muller, 863, Fazenda – Itajaí – SC

QUANDO PROCURAR UM ESPECIALISTA EM RINOPLASTIA?

Você sabe quando é indicado procurar um especialista em rinoplastia? Aquele desconforto para respirar, ou mesmo o incômodo com a aparência, muitas vezes é negligenciado. Mas, se você percebe que esses sintomas não vão embora, pode ser que tenha chegado o momento de pensar em resolver.

Em minha experiência como cirurgião, posso afirmar que a maior par te dos casos de cirurgia na região do nariz resolve problemas funcionais e estéticos. Se a funcionalidade conta com algum problema, provavelmente o nariz tem uma aparência que incomoda a pessoa.

A maioria dos problemas funcionais está relacionada com a obstrução nasal. Ou seja, a dificuldade para respirar e o ronco. Outro caso são os sintomas intensos de rinite e sinusite.

Os pacientes que procuram a rinoplastia para fins estéticos contam normalmente com o nariz desproporcional em relação ao rosto. Uma das queixas mais comuns é do dorso grande
do nariz acompanhado de uma ponta caída. Outra desproporção bastante comum é o nariz com a ponta afundada e abas mais largas, vulgarmente chamado “nariz de batata”. No en-
tanto, o tipo de nariz que mais incomoda, tanto na parte estética como na funcional, são os tipos tortos para algum lado.

A partir do momento em que se nota um incômodo constante relacionado à capacidade derespirar ou mesmo com a aparência, é preciso procurar um especialista nessa área. O nariz fica localizado bem no centro do rosto. Por isso, é considerada uma das cirurgias mais complexas que existem.

Antes de marcar a sua consulta com um cirurgião plástico, procure saber qual a sua for-
mação, em qual universidade estudou e em qual hospital concluiu a sua residência. Além
disso, é interessante verificar se o profissional é membro da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica – SBCP, e quais especializações ele possui. Todas essas informações eu disponibilizo em meu site.

Se você sofre com algum defeito físico ou funcional em seu nariz , agende uma consulta.
Você merece viver de bem com o espelho e com a sua saúde!

Por

Dr. Guilherme Luis Schmitt
Cirurgião Plástico CRM/SC 18.239
Especialista pela Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica

Itajaí
Riviera Business & Mall
(47) 3021-5921 | 99293-4020
Av. Osvaldo Reis, 3281 – Sala 1503 – Praia Brava

Gaspar
Atitude Centro Empresarial
(47) 3332-8286 | 98480-8286
Rua São José, 253