Restaurante do Hilton Garden Inn, na Praia Brava, abre ao público

Não precisa ser hóspede para experimentar e conhecer a cozinha criativa do restaurante Dom Rosso, anexo ao hotel Hilton Garden Inn, recém inaugurado na Praia Brava. Aberto ao público para café da manhã, almoço e jantar, além de room service 24 horas, é o ambiente perfeito para quem quer otimizar o tempo, sem deixar de lado a qualidade das refeições.

Localizado no Complexo Rivieira, o espaço mescla o melhor da gastronomia internacional com toques contemporâneos e está aberto ao público todos os dias da semana. Especializado em carnes grelhadas, bem ao estilo americano, o cardápio serve de saladas a massas, risotos, carnes nobres e frutos do mar. “O cardápio é um reflexo da excelência e qualidade que está no DNA da marca Hilton, conhecida pelos hotéis de categoria superior e luxo. Os nossos preços, também no restaurante, são muito competitivos”, observa o gerente geral do hotel, Murilo Pereira.

A decoração contemporânea e de tons sóbrios do restaurante conta com a assinatura da arquiteta Suâmi Pedrollo e mistura de forma descontraída móveis de design, madeira e plantas. Nas paredes, a arte do fotógrafo Alfabile retrata a natureza local, repleta de praias, Mata Atlântica e o lifestyle da badalada Praia Brava, endereço do hotel. A carta de bar contempla uma seleção refinada de vinhos da Decanter, além de sanduíches, petiscos, menus infantis e opções vegetarianas.

Serviço:

Restaurante Dom Rosso, anexo ao hotel Hilton Garden Inn, Complexo Riviera, na Praia Brava, Itajaí, Santa Catarina

Café da manhã: 6h às 10h

Almoço: A partir das 12h

Jantar: A partir das 19h

Endereço: Avenida Osvaldo Reis, 3385, Praia Brava, Itajaí

Contato: (47) 3514-4110

As lulas chegaram

Final de dezembro, começo de janeiro, temperatura acima dos trinta graus e começa mais uma “safra” da lula. Leves, saborosas e versáteis combinam muito com o calorão da época e por isso mesmo na imensa maioria dos bares e restaurantes são quase sempre servidas ao alho e óleo, à dorê ou à milanesa e sempre acompanhadas de uma caipira ou uma cerveja bem gelada. O seu preparo, no entanto, requer alguns cuidados sob pena de ficarem borrachudas.

Se for faze-las ao alho e óleo não as tempere antes de irem ao fogo com sal, pimenta do reino ou limão. Mas, apenas com azeite. Depois deve-se deixar a frigideira ou sauteuse (dê preferência as de tefal ou de ferro fundido), esquentar até sair fumaça. Coloque-as aos poucos para não soltar água e as mantenha em lugar quente até acabar de fazer todas. Depois, na mesma frigideira ou sauteuse, coloque o alho picado e doure. Jogue por cima das lulas com raspas
de limão e salsa picada. Outra alternativa é esperar até que o alho esteja dourado e colocar folhinhas de alecrim. Mas se a forma escolhida for à doré ou à milanesa você pode tempera-las antes sem problemas. As lulas podem ainda ser preparadas de diversas outras formas. Caso queira dar um toque gourmet, tempere as lulas inteiras em ramos de alecrim e coloque na grelha. Ao servir, um espumante também é um ótimo acompanhante, aliás em
qualquer situação o espumante é uma ótima pedida (risos). Voltando às lulas e a sua versatilidade você certamente já provou salada de lulas, arroz de lula, risoto de lula e massa com lula, mas e lula recheada?

A maioria já ouviu falar e se provou certamente não foi por essas bandas. É muito fácil. Limpe as lulas retirando a pele e a cartilagem do seu interior e lave em água corrente. Tempere apenas por fora com sal e um pouco de pimenta do reino. Fuja do convencional e faça um risoto de shitake. Recheie as lulas até somente 2/3 e feche com um palito. Leve uma frigideira de tefal ao fogo com um pouco de azeite e doure as lulas por aproximadamente três minutos de cada lado.
Sirva acompanhada de uma salada de folhas com tomate cereja e temperada com molho pesto e geleia de balsâmico. Por último, como não poderia deixar de ser, uma vez que estou em Portugal, uma receita bem popular por aqui é o Caril de Lulas. Vá na sua peixaria e compre meio quilo de peixinhos misturados e faça com eles um caldo e reserve. Peça ao peixeiro para limpar 1,5 quilo de lulas grandes e corte em rodelas grossas. Não se esqueça dos tentáculos. Em casa, em uma panela esquente um pouco de azeite e refogue uma cebola grande picada, um
pimentão amarelo em cubos e dois tomates idem. Junte 100 gramas de amendoim picados grosseiramente bem como um bom pedaço de gengibre ralado. Junte uma boa colher de sopa de curry de boa qualidade e deixe queimar um pouco. Junte então meio litro de leite de coco, meio litro do caldo de peixe, meio maço de salsa e outro tanto de coentro picado. Retifique o sal e junte as lulas. Cozinhe por uns cinco minutos e sirva acompanhado de arroz
basmati. Para beber, sugiro um vinho verde português (Casal Garcia não vale) de ótima qualidade.

Por

Renato Justo

Chef de cozinha

Um atelier com muito sabor

Cheirinho de bolo caseiro e café fresquinho, doces de encher os olhos e salgados deliciosos. Muito mais do que alimentar o corpo, é alimentar a alma com lembranças da infância. E quando tudo é preparado com carinho e qualidade, fica impossível resistir. Assim é o Atelier de Doces Coffee & Cake, localizado na Praia dos Amores, em Balneário Camboriú, que tem à frente a empresária Patricia Pereira Hemmer.

Quem passa por lá, além de desfrutar de um ambiente charmoso e aconchegante, pode saborear bolos caseiros, bolos de pote, naked cake, brigadeiros, tartaletes, pão de mel, tortas como a queridinha Dois Amores e muito mais. Além disso, os salgados também fazem sucesso, sendo muitos deles preparados na hora.

Mas, se você tem alguma restrição alimentar como intolerância a lactose, glúten ou então apenas prefere os salgados veganos. Tudo bem. No Atelier de Doces tem tudo fresquinho para você também.

E não pense que o cardápio conta apenas com produtos fixos. Os doces, por exemplo, preparados pelos pâtisseries da casa que, segundo a Patricia gostam de diversificar, levam constantemente novidades ao portfólio. “Por esta razão sempre convidamos o cliente a conhecer as nossas delicias que estão no expositor”, comenta a proprietária.

Outro ponto de destaque da casa fica por conta das bebidas, principalmente as que são feitas à base de cafés. Patricia, antes mesmo de abrir o espaço, foi em busca de conhecimento e fez diversos cursos de culinária e barista, sempre pensando em oferecer o melhor aos seus clientes. “Como damos muito valor ao café servido, todo café é preparado por um barista treinado. Além disso, temos uma deliciosa opção de café orgânico que é passado na hora na mesa do cliente”, ressalta Patricia.

E como dedicação e qualidade é o que move a equipe do Atelier de Doces, o atendimento também é levado à sério. Segundo Patricia, muito mais do que servir produtos de qualidade, eles presam em oferecer igualmente um atendimento de excelência.

Agora se a ideia é celebrar uma data especial ou apenas reunir a família e amigos para algumas horas de um bom bate-papo regado as delicias do Atelier de Doces, a casa também oferece um espaço reservado, basta entrar em contato pelo WhatsApp (47) 9 9922-7382, com uma semana de antecedência.

Atelier de Doces Coffee & Cake

Av. Carlos Drumond de Andrade, 631 Sala 06, Praia dos Amores – Balneário Camboriú

(47)2033-9455 / 99922-7382

Facebook: Atelier de Doces Coffee & Cake

Instagram: atelierdedocesbc

Uvva

O Hotspot do vinho e dos bons momentos




Há quem diga que a cerveja e a caipirinha são as únicas estrelas durante o verão dos brasileiros. Mas, engana-se quem pensa assim, pois o vinho, além de possuir propriedades benéficas à saúde, também é uma excelente alternativa para se refrescar durante os dias mais quentes do ano. E isso pode ser comprovado com o sucesso que vem fazendo o Uvva Wine Bar, o novo hotspot de Itajaí, inaugurado no início de dezembro na praia Brava.

Em um ambiente autêntico, leve e para lá de charmoso, que leva a assinatura dos arquitetos Mariana Narciso e Luiz, da Linha Catarina, o UvvA chegou para fortificar a cultura do vinho na região, proporcionando momentos únicos com a energia contagiante do bom humor e alto-astral do local. E como a proposta dos empresários, Guilherme Heusi Sandri, Leonardo Morgado Dietrich, Luan Martins e Mateus Provesi, era apresentar um ambiente diferenciado, no
Uvva tudo é leve e despojado. Bancos e mesas são compartilhados, os vinhos estão expostos com os preços nas garrafas e há máquinas de autosserviço para consumo da bebida em taças. Ainda segundo eles, um dos grandes diferenciais do estabelecimento está nas pessoas que ali trabalham e na energia que o ambiente proporciona. “Sem elas nada disso estaria acontecendo. Tudo que fazemos é pensando no cliente, no diferente e na experiência de
todos aqui dentro”, pontua Leonardo.

Com capacidade para cerca de 180 pessoas, produtos de qualidade e preços acessíveis, o Uvva oferece aos seus clientes uma excelente carta de vinhos, chopp e drinks bem originais como o freshrosé que leva gin tônica, graperfruit e tônica rosé orgânica. Além disso, outro ponto forte e de destaque da casa está na cozinha comandada pelo chef Gabriel Aguilar que já chefiou o Paris 6, em São Paulo. Vale a pena conferir.

E como o verão pede por vinhos leves e gelados para refrescar, a dica do Leonardo é consumir os brancos e os rosés como, por exemplo, o Saint Clair – Gewurztraminer, o Berne Esprit di Mediterranee, o Thera Rosé, o Cartuxa Branco e o Viña Mar Sauvignon Blanc.

Porém, se você não abre mão dos vinhos tintos, o segredo é ficar atento aos tipos de uvas utilizadas. Geralmente vinhos com notas frutadas, com poucos taninos e com corpo equilibrado são uma ótima pedida para acompanhar as altas temperaturas.

E lembre-se que independentemente do tipo de vinho e da época do ano, se a bebida for acompanhada de um ambiente agradável, uma boa conversa e uma saborosa gastronomia, a experiência de consumi-la será, com certeza, ainda mais prazerosa.

Rua: Delfim Mario de Pádua Peixoto, 391, Praia Brava, Itajaí

Instagram: @theuvvawinebar

Tel: (47) 9 9916-0352

Panqueca de palmito (sem glúten e sem lactose)

Massa
2 ovos
2 colheres (sopa) de óleo
2 colheres (sopa) de leite de soja pó
2 xícaras de água
1 cenoura
1 fatia de cebola
1 colherzinha de sal marinho
Bater tudo no liquidificador e por último acrescentar:
1 xícara de farinha de arroz integral e
1/2 xícara de fécula de batata

Recheio
3 xícaras de palmito picado e misturado com 1 xícara de maionese de soja

Por

Tânia Fernandes

Terapeuta nutricional e proprietária do Univital

Rua: Felipe Schmidt, 40 | Centro – Itajaí

Tel: 3349-1132

De segunda a sexta das 7h às 20h30min

Sábado das 8h às 14horas

 

 

Uma festa portuguesa com certeza

De volta a Portugal para mais uma temporada, esse ano cheguei bem a tempo das festas de Natal e Ano Novo. No Natal, a mesa portuguesa é um pouco parecida com a nossa, afinal foram eles os responsáveis pelo nosso descobrimento, mas há deliciosas diferenças e sobre estas iremos falar.

Na véspera de Natal também chamada por eles de Noite da Consoada – do latim Consolare, que significa consolar, é porque como as famílias se encontravam para se consolar ou passar essa noite juntas – do extremo Sul até o Norte pode-se dizer que o bacalhau reina quase absoluto e devido ao clima mais frio é preparado de forma diversa do nosso. Aqui, come-se o bacalhau com todos que nada mais é do que postas de bacalhau cozidas com batatas, cebolas e couve.

No Norte do país é comum cozinharem alhos, cebolas e louro em azeite e vinagre e por esse molho por cima do bacalhau. Ainda no Sul é comum comer polvo guisado com batatas ou empanado.

No dia de Natal propriamente dito, se inicia com queijos e enchidos variados, pães e as frutas secas tão comuns em nosso país, tais como nozes, avelas e amêndoas. Aliás, devido ao frio que faz em Portugal por essa época tem muito mais a ver que no Brasil (risos). Para o prato principal em todo o país é costume assar um peru, normalmente recheado e praticamente todas as famílias têm a sua própria receita. Os acompanhamentos variam muito, indo desde o arroz com amêndoas passando por batata assadas, purê de maças ou até mesmo um arroz com açafrão.
Também se come cabrito assado. Ao contrário do Brasil, por aqui eles desconhecem o tender que tanto amamos com cravo e melado e tampouco aquelas farofas especiais e os nossos arrozes “turbinados”. No capítulo doce os portugueses são imbatíveis: há ovos moles, papo de anjo, rabanadas, que por aqui se chamam de fatias douradas, filhoses, coscorões e pudins diversos e mais uma infinidade de doces além do bolo-rei. Esse bolo é como se fosse uma rosca recheada com frutas cristalizadas e recoberto com açúcar. Para beber, mesmo com o bacalhau, vinho tinto.

No Ano Novo os portugueses, diferentemente de nós, não costumam comer lentilhas nem romãs para dar sorte. Por aqui a simpatia e comer 13 uvas passas. A mesa geralmente é composta de mariscos, que é como chamam os frutos do mar em geral, Champagne e espumante à vontade.

Desejo a todos um ÓTIMO 2019!

Por

Renato Justo

Chef de cozinha

 

Praia Brava recebe restaurante especializado em comida tailandesa

Quer se sentir na Tailândia? Não precisa viajar mais de 15 mil quilômetros para experimentar a gastronomia tailandesa rica em ingredientes, de combinações infindáveis e técnicas elaboradas. O Thai Garden Asian que acaba de abrir as portas no Complexo Riviera, na Praia Brava, em Itajaí, apresenta a culinária tailandesa em um ambiente  temático sofisticado e com uma iluminação que te transporta para esse país colorido, cheio de fé e de rituais. Uma experiência gastronômica e sensorial.

As opções do cardápio vão do tradicional Pad Thaí e Khao Pad ao Festival da Lagosta, passando por opções de pratos veganos. “Todos os nossos ingredientes e especiarias são importados e cuidadosamente selecionados para um experiência única!”, descreve o empresário Cezar Roberto Blum, que também está à frente da seleção dos frutos do mar. O restaurante conta com horta orgânica própria para as preparação dos pratos. “O lema é comida fresca, feita na hora e com os melhores ingredientes”.

Para o Verão o restaurante preparou algumas novidades como a Segunda e a Terça da Lagosta com as opções de Lagosta Grelhada ou Lagosta ao Curry vermelho com maçã caramelizada por R$ 79 e às quartas, em todos os pratos Pad Thaí e Khao Pad têm 30% de desconto. Às quintas, os drinks têm até 50%. O restaurante abre de segunda a sábado das 19h30 às 00h.

Reservas: (47) 3040-1510.

O Thai Garden Asian fica junto ao Jardim Tailandês, na parte de trás do edifício comercial Riviera Business & Mall, e conta com uma estátua de 4,5 metros que é uma representação do Buda Sakiamuni. A obra do artista Denis Pereira Uberti é feita em concreto armado e levou cerca de quatro meses para ficar pronta.

Serviço

O que: restaurante Thai Garden Asian e Jardim Tailandês

Onde: Riviera Business & Mall, na Praia Brava, em Itajaí

Quando: de segunda a sábado, das 19h30 às 00h.

Informações e reservas:  (47) 3040-1510

Instagram: @thaigardenriviera

 

Fevereiro Roxo: saiba os alimentos que ajudam a combater a fibromialgia

O nutrólogo Alexander Gomes de Azevedo explica que uma dieta anti-inflamatória pode controlar o transtorno

O mês de fevereiro é dedicado à conscientização sobre algumas doenças, como a fibromialgia. O transtorno, em que a pessoa sente dores em todo corpo por longos períodos, afeta principalmente as mulheres, dentre elas a superstar Lady Gaga. Uma boa alimentação pode ajudar a combater a síndrome. 

Segundo o médico nutrólogo Alexander Gomes de Azevedo, há comprovações científicas de que uma dieta anti-inflamatória pode ajudar a controlar os sintomas.

“Apesar de a fibromialgia não ser uma doença inflamatória, ela é uma patologia com dor muscular generalizada, que vai necessitar de controle ao longo de toda vida. Nesse sentido, uma alimentação que contribua para diminuir o status inflamatório e que seja equilibrada, no sentido de ser rica em nutrientes, será benéfica”, explica o especialista.

Azevedo diz que indivíduos com fibromialgia apresentam normalmente maior nível de estresse oxidativo, ou seja, há uma maior produção de radicais livres e uma atuação insuficiente do sistema antioxidante do organismo em neutralizá-los. Para reduzir o estresse oxidativo. É preciso aumentar o aporte de nutrientes antioxidantes e reduzir outros que têm características inflamatórias, associados inclusive à maior sensação de dor.

“Nesse caso, por meio da redução da ingestão de gorduras pró-inflamatórias, como a gordura saturada da carne vermelha, dos laticínios integrais e frituras. Essas gorduras são muito ricas em ácido araquidônico, um ácido graxo da série ômega-6 com um alto potencial de produção de substâncias inflamatórias no organismo. Por outro lado, vale aumentar o consumo de gorduras poli-insaturadas que têm efeito contrário e agem justamente modulando as inflamações e a dor. Um exemplo é o ômega-3. Algumas fontes de ômega-3 são a sardinha, o atum, o salmão, o arenque ou o linguado. Há também a opção de se usar suplementos para elevar os níveis desta gordura no corpo”, completa o médico.

Por

Alexander Gomes de Azevedo

Nutrólogo

 

Dicas de alimentos para levar para a praia

O verão já chegou e com ele vem muito mar e areia. E quem nunca sentiu aquela fominha na praia? Muitas vezes passamos o dia curtindo o sol e acabamos nos rendendo a alimentos gordurosos e industrializados que os ambulantes vendem no local. Opte por levar para praia coisas simples, nutritivas e saborosas. Também é fundamental que você esteja atento à conservação dos alimentos. Alguns lanches precisam ser armazenados em coolers ou bolsas térmicas para que não estragarem em temperaturas mais altas.

Pensando em te ajudar a ter uma alimentação saudável mesmo nos momentos de diversão, separamos 4 lanches saudáveis para você levar e comer na praia.

Por que levar o próprio lanche para a praia?

Segurança, você conhece a procedência do alimento que está consumindo.
Economia, na maioria dos casos, o que se vende na praia é muito mais caro!
Saúde e bem-estar: a maior parte das opções oferecidas na praia são gordurosas e nada saudáveis.
Confira agora uma lista de lanches saudáveis para você levar para praia:

Frutas
Opções refrescantes e que ajudam a repor a hidratação perdida com o sol e calor. O ideal é que as frutas sejam resfriadas, e se preferir elas picadas, não se esqueça de pingar algumas gotas de limão para impedir a oxidação.

Sanduíches naturais
Os sanduíches naturais são opções completas e que podem até substituir uma refeição principal. Você pode colocar no mesmo lanche: carboidrato, legumes, proteínas e gorduras saudáveis. Algumas opções simples, são:
Pão sírio integral + homus + tomate;
Pão de milho + creme de ricota;
Pão de batata + queijo cottage;
Pão de forma integral + creme ricota + 2 folhas de alface + lâminas de abacate + tomate;
Pão de forma integral + requeijão light + tomate cereja + manjericão;
Pão de forma integral + tahine (pasta de gergelim integral) + cenoura ralada;
Pão de forma integral + atum + gotinhas de limão + pepino japonês + 1 fatia de queijo branco;
Pão de forma integral + molho pesto + rúcula + tomate + queijo parmesão ralado.

Frutas desidratadas e oleaginosas
Uma boa opção de lanche saudável, delicioso e nutritivo é o mix de frutas com oleaginosas. Além disso, eles são super práticos e cabem em qualquer bolsa.

Barra de cereal
Fáceis de transportar e resistentes a altas temperaturas, as barras de cereais também são uma excelente opção.

Por

Michelle Freitas

Empresária e nutricionista

Cia da Saúde Itajaí – SC

R. Heitor Liberato 1550, SL 32 | Bairro São João – Itajaí – SC

Tele Entrega: 47 3249-0160

ciadasaudeitajai | redeciadasaudeitajai.com.br

Balneário Shopping inaugura primeiro Paris 6 Café do Brasil

A rede de restaurantes Paris 6 acaba de inaugurar um espaço exclusivo e inédito no Balneário Shopping. Trata-se do Paris 6 Café, o mais novo modelo de operação criado pela marca, loja no estilo café, que traz o DNA da marca e menu com algumas criações famosas do empresário e sócio-fundador do Paris 6, Isaac Azar, entre pratos rápidos e seleção das sobremesas mais vendidas, com direito a opções de Grand Gateaux e cheesecakes.

Com capacidade para 30 clientes, a casa funciona como projeto inicial deste novo estilo da badalada rede Paris 6. “Balneário Camboriú é uma cidade moderna, sofisticada e que recebe turistas de diversos locais, o que se tornou ideal para implantarmos a nossa primeira loja”, explica Isaac.

Localizado no pavimento L2 (em frente à Camicado), o Paris 6 Café acompanha todo o estilo das demais lojas da rede, com arquitetura e ares parisienses dos anos 1920. No menu, a famosa sobremesa Grand Gateau divide espaço com cheesecakes, com o clássico croque monsieur, com cafés quentes e gelados de combinações da linha Espresso Gourmet Paris 6 e muito mais.

O lançamento do Paris 6 Café no Balneário Shopping faz parte do plano de expansão da rede. Além da inauguração de novos bistrôs, hoje com 14 em funcionamento espalhados pelo Brasil, no novo modelo acompanhará o crescimento da marca por meio de franquias, com expectativa de mais de 20 aberturas ainda em 2019.

Sobre o Paris 6

O restaurante Paris 6 tornou-se referência pelo estilo bistrô francês com cardápio diversificado todos os dias do ano. Criado em São Paulo, em setembro de 2006, o nome vem do 6º distrito de Paris, bairro boêmio de Saint-Germain-des-Prés, onde foi fundado o primeiro café do país, em 1686. Atualmente são unidades em São Paulo, Rio de Janeiro, Campinas, Belo Horizonte, Brasília, Salvador, Goiânia e São José dos Campos, totalizando 14 casas no Brasil.

Com ambiente charmoso, sempre personalizado com obras de arte que variam dentre os espetáculos e manifestações artísticas que o bistrô apoia, as casas tornaram-se ponto de encontro de intelectuais e famosos, além de apoiar espetáculos teatrais e outras manifestações artísticas.

O responsável pelo menu é o empresário Isaac Azar, sócio fundador do Paris 6. O cardápio traz pratos típicos dos bistrôs e brasseries parisienses, releituras e criações do restaurante. Todos eles levam o nome de uma personalidade da TV, do teatro, da música ou dos esportes. Entre os mais pedidos, medalhões acompanhados de risotto de brie à “Chorão”, gnocchi de brie ao molho de camarões à “Bruno Gissoni” e filé de salmão grelhado ao molho de camarões,
com purê de batatas e legumes à “Boca Rosa”. Para finalizar as refeições, a sugestão é famoso Grand Gateau, um novo conceito de sobremesa criada pelo próprio Isaac. O resultado foi um suflê de chocolate, explorando variados recheios, coberturas e sempre acompanhado de picolé Paris 6. Quem prova, recomenda.

Por

Balneário Shopping

Av. Santa Catarina, Balneário Camboriú, 88339-005

Tel: 047 3263-8494