E viva os recomeços!!

“Quem teve a ideia de cortar o tempo em fatias, a que se deu o nome de ano, foi um indivíduo genial. Industrializou a esperança fazendo-a funcionar no limite da exaustão. Doze meses dão para qualquer ser humano se cansar e entregar os pontos. Aí entra o milagre da renovação e tudo começa outra vez com outro número e outra vontade de acreditar que daqui para adiante vai ser diferente…” Roberto Pompeu de Toledo

Cada ano é um recomeço. Com ele surgem novas perspectivas, metas, desejos, escolhas. Este movimento é bastante natural no curso da vida. Anualmente temos a tarefa de traçar temas, objetivos e estratégias que possam contribuir com o desenvolvimento integral das crianças. No entanto, mais do que elaborar belos e audaciosos planejamentos é importante considerar uma perspectiva de formação de sujeitos autônomos e capazes de contribuir com seu o seu próprio desenvolvimento. Desta forma o Centro Educacional “Pintando o Sete” acredita num trabalho pautado na pedagogia de projetos. Para aprender a criança precisa se entregar. Então, aquilo que é proposto deve fazer sentido, ser interessante, do contrário, não acontece a entrega. O trabalho com projetos oferece à criança a oportunidade de vivenciar e provar aspectos inovadores do contexto em que ela está inserida, além de prepará-la para a convivência e melhor adaptação social. Essa linha pedagógica deve incitar a observação de fatos e fenômenos, formulação de hipóteses, demonstrações e experimentos, reflexão sobre as leituras em diferentes fontes, registros, além das discussões e conclusões feitas de forma coletiva e individual, também devem estar presentes em atividades que fomentam a curiosidade e a construção de novos questionamentos. No Centro Educacional “Pintando o Sete” primamos pelas características básicas de um projeto de Educação Infantil: apresentar intencionalidade, originalidade e flexibilidade de trabalho visando e respeitando os estágios do desenvolvimento da criança. A grande intenção é motivá-la à participação ativa, através do brincar. O planejamento, além de dialogar o tempo todo com as intenções de aprendizagem, demanda flexibilidade nas intervenções, pois não é possível prever tudo o que as crianças podem falar, pensar e relacionar após serem estimuladas por perguntas, pelos contextos de pesquisa, pelo acesso às informações de variadas fontes e, sobretudo, pela socialização dos conhecimentos com o grupo. O desafio é criar condições para que as crianças expandam as suas experiências e sejam formadores do próprio conhecimento, numa escola cheia de vida e significados.

Por

Susana Mara Nunes | Coordenadora Pedagógica

 

FONTE – LETRA BEM PEQUENA

https://www.portaleducacao.com.br

https://gestaoescolar.org.br/conteudo/pedagogia-de-projetos

 

Não seja visita

Você já reparou que existem dezenas listas de dicas para visitar um recém-nascido. Boa parte delas chamando atenção para higiene e cuidados com a saúde do bebê. Tem gente que acha frescura. Tem gente que acha que deveria logo lavar o visitante todo com álcool 70%. Já eu, bem eu acho que a regra é clara, como diria Arnaldo: não visite.

Aposto que você pensou: “Chegou a chata mimizenta”. Veja bem, não digo que você não deve ir. Para visitar uma família recém-parida você precisa – além de estar mega saudável e respeitar todas aquelas dicas básicas de higiene – não ser visita. Sabe o que isto significa? Significa que você precisa ser íntimo desta família para estar lá em um momento tão delicado.

Você precisa ser íntimo a ponto da mãe não se importar em aparecer sem sutiã, sem banho e sem dormir há dias na sua frente. Se a mãe tiver que tomar banho e se arrumar para te receber, não é hora de você ir. Precisa ser íntimo para ninguém se preocupar em te servir café, porque, claro, você mesmo levou uma refeição para todos, além de uns potinhos de comida congelada, os quais você guardou na geladeira. Você precisa ser íntimo para que a família não precise arrumar a casa para te receber, na verdade você pode dar uma varrida, lavar uma louça ou, no mínimo, se oferecer para ajudar em alguma tarefa. Significa que você ligou para combinar a visita, mas não para pedir o endereço, porque é óbvio que não é a primeira vez que você vai na casa dessa família.

Veja bem, eu sei que suas intenções são as melhores, que você comprou um presente lindo e que você só quer ver o bebê mais fofo do momento. Mas, se você chegou até aqui, pois atingiu todos os níveis de intimidade, saberá quando é o melhor momento. Pode ser três dias ou três meses após o parto. Mas quando este momento chegar, lembre-se de ir ver a mãe. O bebê não te conhece e não está nem aí para você. Talvez ela precise de um bom banho, um lanche, um cochilo, uma volta na padaria, uma massagem, um ombro. Talvez ele precise de uma conversa, um descanso. Talvez o filho (a) mais velho (a) precise de atenção, de um passeio. Ninguém precisa de palpites ou comparações, tampouco de intromissões e julgamentos. Nessa hora, esteja como amigo. Não de visitas.

Por

Dai Fagundes

Especialista em comunicação e empreendedora da marca

de enxovais infantis Di Mammi. 

Instagram: di_mammi

Apaixonada pela escrita, deseja levar textos com bom-humor e empatia para as mamães.

 

TOD – Transtorno Opositor Desafiador – como lidar?

Antes de falarmos propriamente sobre como lidar com este transtorno tão questionado ultimamente, precisamos entender do que se trata e quais os critérios diagnósticos. Pois bem, o Transtorno Opositor Desafiador, mais conhecido como TOD, é um distúrbio comportamental de início na infância, caracterizado por constantes episódios de desobediência e hostilidade. Porém, é preciso muita cautela ao diagnosticar, pois muitas vezes é difícil distinguir a manifestação normal de alguns comportamentos e de quando isso passa a ser disfuncional. Por isto, a importância de se considerar a frequência e intensidade dos episódios, é necessário que os sintomas tenham sido frequentes nos últimos seis meses.

Os sintomas costumam ser: comportamentos antissociais, dificuldade em seguir regras, normas morais e autoridades, dificuldades na socialização. Crianças com este transtorno desafiam constantemente os pais, professores e outras figuras de autoridade. A dificuldade em controlar as emoções também é uma característica importante, muitas vezes com explosões de fúria, desejo de vingança e agressões verbais.

Quanto mais cedo for diagnosticado e tratado, maiores as chances de uma resposta satisfatória, além de evitar que o quadro se torne mais grave na adolescência e fase adulta. O tratamento inclui psicoterapia individual, familiar, orientação de pais, professores e por vezes é necessário a intervenção medicamentosa orientada pelo médico. E como lidar? É preciso que os filhos e os pais estejam inseridos na mesma dinâmica e o relacionamento entre ambos muitas vezes precisa ser reparado. O objetivo da psicoterapia é ajudar os pais a encontrar um caminho equilibrado entre ser permissivo e autoritário, estabelecendo uma comunicação clara com elogios e medidas educativas, fortalecendo o vínculo familiar. É importante também estimular comportamentos saudáveis na criança, buscando estratégias de como podem lidar melhor com suas emoções, ensinando outras maneiras de expressar a raiva, diminuindo assim os conflitos e reduzindo as frustrações decorrentes do transtorno. Não deixe de buscar ajuda profissional, tirar todas as dúvidas e buscar se necessários os tratamentos adequados. Você não está sozinho.

Por

Priscila Mafra – Psicóloga da Infância e Adolescência

CRP 12/16760

(47) 99187-3868

@psicologapriscilamafra

Clinsam

Rua Antônio Manoel Moreira 140

Fazenda | Itajaí – SC

 

 

Bailinho de Carnaval vai agitar a criançada no Balneário Shopping

O tradicional Bailinho de Carnaval 2020 do Balneário Shopping já tem data e hora para acontecer: 24 de fevereiro, das 16h às 20h. Especialmente criado para as crianças se divertirem com segurança durante a festa mais popular da cultura brasileira, o evento promete despertar a criatividade dos pequenos foliões em uma tarde muito animada.

Neste ano, o Bailinho de Carnaval será na entrada principal do shopping, no pavimento L1. A programação inclui concurso de fantasias para os pequenos e também os pets, além de pintura facial, recreação infantil e outras surpresas, tudo ao som de uma playlist muito especial para a data. Para ter acesso à festa, basta acessar o link https://www.sympla.com.br/bailinho-de-carnaval—balneario-shopping__794083 e realizar a inscrição gratuita. As vagas são limitadas.

Durante todo o feriadão de Carnaval, as crianças ainda podem aproveitar outras atrações no Balneário Shopping. Uma delas é o Museu das Ilusões, atração com mais de 50 atrações com experiências divertidas e ilusões de ótica que brincam com seu cérebro e com a sua razão. A atração, inédita em Santa Catarina, ajuda a mostrar como nossa mente tende a fazer suposições sobre o mundo e sobre o que não é real – uma espécie de aula de ciências para públicos de todas as idades.

Em frente à entrada do museu, no pavimento L2, crianças e adultos podem fazer parte de um desafio de realidade virtual ao lado da família ou dos amigos. O “Espaço VR – Realidade Virtual Para Você” está atraindo um público aficionado em jogos e inovação, como um simulador multissensorial em realidade virtual para até 6 participantes simultâneos.

AGENDA

Bailinho Infantil de Carnaval

Local: Balneário Shopping, acesso principal (pavimento L1)

Data: 24 de fevereiro (segunda)

Horário: 16h às 20h

Inscrições: https://www.sympla.com.br/bailinho-de-carnaval—balneario-shopping__794083

Verão e os cuidados com a pele dos pequenos

Com as férias nós vamos à praia, aos parques, tomamos banho de piscina … e, é claro, tudo isso, nos expondo ao sol. Só que para que todas essas atividades sejam prazerosas precisamos cuidar da nossa pele e com as crianças esse cuidado é ainda mais importante e deve ter atenção redobrada.

Primeiro é preciso ficar atento ao uso de protetor solar, principalmente na praia e na piscina. O bebê antes dos 6 meses de idade não deve ser exposto diretamente ao sol e não deve usar protetores solares.  Após os 6 meses o bebê não deve ser exposto entre as 10 e 15 horas. Nessa faixa etária, a melhor medida de foto-proteção é a mecânica, ou seja, uso de roupas, chapéu e sombra. O uso de protetor é recomendado, e a mamãe deve escolher protetores com FPS superior a 60 e proteção UVA, além disso, escolher produtos específicos para crianças.

Para crianças de 6 meses a 2 anos, a orientação é usar de preferência protetores compostos totalmente ou em maior parcela por filtros inorgânicos (físicos). Já as crianças maiores de dois anos, a preferência é por protetores com resistência à água e de fácil aplicação. A aplicação deve ser feita com o mínimo de roupa possível, 15 a 30 minutos antes da exposição ao sol e reaplicado a cada 2 horas ou após imersão na água.

Além disso mamães e papais, a hidratação é fundamental nos dias com temperaturas mais altas, a ingestão de líquidos deve ser maior, por isso a dica é sempre oferecer água e sucos aos nossos pequenos.

Muitas vezes sou questionada no consultório sobre a idade ideal em que os bebês podem ser levados à praia ou piscina.  Antes de tomar essa decisão, reflita se essa situação vai ser confortável ou não para o bebê. Exemplo, a água do mar pode estar numa temperatura agradável para um adulto, mas e para o bebê, será que não é muito fria?  Lembre-se que a sensação térmica de um adulto é diferente de um bebê.

Se você tiver dúvida, questione sempre a médica pediatra do seu filho. Ela vai poder lhe orientar da melhor forma possível. Afinal, o que mamães, papais e pediatras querem é garantir a saúde das nossas crianças!

E aí, preparados para cuidar muito bem dos nossos pequenos nestes dias quentes?

Por

Dra. Marlana Aparecida Kusama

Pediatra – CRM 22750 / RQE 13338

(47) 99202-1908  / 99225-9206

Av. Osvaldo Reis, 3281 – sala 1003

Riviera Businees & Mall, Itajaí – SC

Instagram: @dramarlanakusama

 

Tempo, tempo, tempo…

Como você tem lidado com o tempo? Você tem sentido ele escapar por entre os dedos ou ele tem parecido se arrastar, fazendo que com que essa fase nunca acabe? Você já percebeu como o tempo parece passar diferente para as mães? Ora a gente quer que ele corra, voe. Chega logo gestação, seja de corpo ou de coração. Chega logo bebê. Chega logo noite dormida por inteiro. Chega logo fim da birra. Chega logo fim da fralda. Chega logo tomar banho sozinho… e assim a gente vai querendo que ele passe, só que de repente, chega.

Um dia você acorda e percebe que os trejeitos deles mudaram. Tem um ar de meninice ocupando aquelas bochechas de bebê. Tem um “ai mãe” no lugar do “mamãe”. Tem um “não precisa” no lugar do “quero colo”. Tem um “não foi nada” no lugar do “dá um beijo, machucou”.

E assim chegam tantas outras coisas e lá estamos nós pedindo para ele parar. Pedindo para o tempo voltar. Querendo sentir de novo a barriga crescer. Querendo sentir de novo o coração acelerar. Querendo sentir aquele hálito fresco de bebê. Querendo ouvir o balbuciar de sílabas. Querendo dormir com mãozinhas e pés sobre você. Querendo alguém correndo em sua direção pedindo um colo. Querendo ser a super-heroína que cura tudo com um beijo. Querendo andar pelas ruas pulando amarelinha nas calçadas.

É o Senhor Tempo. Implacável. Inevitável. Mas ele não acelera e nem para. É sempre igual.

E na verdade, a gente nunca quer que o tempo passe mais depressa. Não se culpe. É só o cansaço, é só o dia-a-dia, a roupa suja, a lista do mercado, essa loucura de “produtividade” que nos fez sentir incapazes. A gente só queria, mesmo, poder descansar um pouco mais e, assim, ter energia para brincar. A gente só queria ter menos preocupações para poder rir de tudo sem pensar. A gente só queria ter rede apoio com quem contar. A gente só queria mais ajuda e menos palpitar. A gente queria, só às vezes, poder o tempo controlar.

Por aqui, também sigo tentando.

Por

Dai Fagundes

Especialista em comunicação e empreendedora da marca

de enxovais infantis Di Mammi. 

Instagram: di_mammi

Apaixonada pela escrita, deseja levar textos com bom-humor e empatia para as mamães.

Um e-book todinho para você

Famílias esse e-book foi criado com mais de 50 receitas funcionais testadas e aprovadas para toda a família.

Sim, são receitas para a mamãe e o papai, filhos maiores e para os bebês.

Tem várias receitas para prepararem juntos nas férias, picolés, muffins e cookies, as crianças adoram se envolver no preparo.

Tem sucos detox sim, com vários sabores diferentes.

Opções de receitas sem glúten, sem leite e low carb.

Diariamente estou na cozinha preparando alimentos para minha família e buscando versões para ajudar vocês a nutrirem melhor a família de vocês.

Os ingredientes são saudáveis e fáceis de serem encontrados.

Receitas para levar à praia e à beira da piscina.

Servir um lanche da tarde completo, ou, se não estiver com muita fome tem versões de shakes proteicos e nutritivos.

Além do e-book, você também vai receber de presente um material com várias dicas e técnicas de congelamento para facilitar a rotina da casa durante as férias.

* 2 receitinhas que estão no e-book que a nutri adora

PANQUECA DE BANANA, FARINHA DE COCO E CACAU 

Ingredientes

Ovo – 1 unidade

Banana amassada – 1 unidade

1 colher de sopa de farinha de coco

1 colher de chá de cacau (opcional) + canela a gosto

Modo preparo:  misturar todos os ingredientes com o garfo ou fouet e fazer em uma frigideira untada, com óleo de coco ou manteiga ou azeite, em fogo baixo, como se fosse panqueca. Pode substituir 1 ovo por duas claras, se preferir! Pode fazer na véspera e apenas esquentar no dia seguinte!

Recheie com 3 morangos picados ou 1 fatia de manga picadinha.

**************************************

Shake de paçoca 

Ingredientes

1 banana grande congelada

1 colher (sopa) de pasta de amendoim

200ml extrato vegetal (ou ½ dose de whey)

1 colher (sobremesa) de chia ou linhaça

1 Colher (sobremesa) de farelo aveia

gelo

Modo de preparo: bata todos os ingredientes no liquidificador ou mixer e sirva.

Rendimento: 1 porção

 

Por

Carolina Theilacker Sommerfeld – CRN10 4033

Clínica Finestética

@carolnutrindofamilias

(47) 3046 1746 (47) 99640 3838

carol-saborcomsaude@hotmail.com

 

6 dicas para saber o que fazer com as crianças nas férias em Balneário Camboriú

O mês de janeiro é tempo de diversão garantida para crianças e adolescentes em plenas férias escolares, mas pode ser um momento de tensão para pais, avós ou responsáveis. Afinal, o que fazer para entreter os pequenos até o início das aulas? Sejam gratuitas ou não, diferentes atrações podem ajudar a tornar o verão mais divertido e cultural para jovens de diferentes idades. Confira as super dicas do Balneário Shopping para animar o tempo livre neste verão:

1) Museu das Ilusões

Mais de 50 atrações com experiências divertidas e ilusões de ótica brincam com seu cérebro e com a sua razão no Museu das Ilusões. A atração, inédita em Santa Catarina, ajuda a mostrar como nossa mente tende a fazer suposições sobre o mundo e sobre o que não é real – uma espécie de aula de ciências para públicos de todas as idades Localizado no espaço BS Hall (pavimento L2), o Museu das Ilusões tem ingressos a R$ 20 para grupos a partir de 3 pessoas.

2) Realidade virtual

Imagine fazer parte de um desafio de realidade virtual ao lado da família ou dos amigos. Uma nova atração tecnológica está dando o que falar no Balneário Shopping. Desenvolvido pela VR do Brasil, o “Espaço VR – Realidade Virtual Para Você” está atraindo um público aficionado em jogos e inovação, como um simulador multissensorial em realidade virtual para até 6 participantes simultâneos. Os valores iniciam a partir de R$ 20 por pessoa e variam de acordo com o tempo de uso.

3) Oficinas de Slime

Um cantinho todo especial e especialmente criado para ajudar a criança a criar sua própria slime está fazendo o maior sucesso nestas férias. As oficinas da Power Slime acontecem diariamente, das 14h às 21h30, quando é possível aprender a fazer e decorar a slime, com a ajuda de monitoras. Depois, é só levar a criação prontinha para casa. A oficina custa a partir de R$ 30.

4) Kids Safari & Car4Kids

A agenda de férias reúne também várias outras atrações permanentes do Balneário Shopping. Uma das mais concorridas são os bichinhos do Kids Safari, animais de pelúcia com os quais é possível dar uma voltinha pelo mall. Os pequenos também curtem passear no Car4Kids, miniaturas elétricas de modelos originais de carros que podem ser guiados pela própria criança ou por controle remoto. É diversão garantida para pais e filhos, com valores sob consulta.

5) Planet Games

No pavimento L2, o Planet Games oferece opções variadas de lazer para o público infantil com monitoras que cuidam das crianças, enquanto os pais podem desfrutar dos serviços e lojas do shopping. O espaço de 80 m², ao lado da Riachuelo, oferece cama elástica, piscina de bolinhas, labirinto, tobogã, castelinho, além de games para diferentes idades. Custa R$ 25 nos primeiros 30 minutos. Após, R$ 10 a cada meia hora.

6) Cinema

Um dos programas mais legais das férias é ir ao cinema. No Balneário Shopping, são 6 salas de cinema (uma delas VIP), com os principais lançamentos do momento. Neste mês de janeiro, os destaques são Frozen 2, Minha Mãe É Uma Peça 3, Star Wars – a Ascenção Skywalker, Adoráveis Mulheres e Jumanji: Próxima Fase, com estreia no dia 16. Confira a programação completa no www.balneariocamboriushopping.com.br

 

 

 

 

Oi mamães e papais, tudo bem?

Quando vocês escolhem um alimento para seus pequenos, ou quando precisam dar algum medicamento a eles, vocês costumam dar uma lida no rótulo ou na bula do remédio? É, ler mesmo, ver quais ingredientes estão presentes naquele alimento ou quais substâncias estão contidas no medicamento que você vai oferecer ao seu filho ou filha?

Queridos, se vocês não costumam fazer isso, está na hora de mudar. Os rótulos dos alimentos são de extrema importância, pois contém todas as informações a respeito do produto. E não é diferente com a bula dos medicamentos. Nos rótulos dos alimentos é importante observar quais ingredientes estão presentes, a quantidade de gorduras, de sódio, o açúcar do produto, isso sem falar na validade.

Já na bula dos medicamentos é importante ver as substâncias que estão contidas no remédio, se alguma delas pode apresentar uma reação adversa, ou até mesmo, agravar uma alergia.

Por isso, é importante mamãe e papai que vocês fiquem atentos a tudo, conheçam o seu filho ou filha e saibam o que ele pode ingerir, para depois não ter que tratar algo mais grave.

Pense nisso!

E até a próxima.

Por

Dra. Marlana Aparecida Kusama

Pediatra – CRM 22750 / RQE 13338

(47) 99202-1908  / 99225-9206

Av. Osvaldo Reis, 3281 – sala 1003

Riviera Businees & Mall, Itajaí – SC

Instagram: @dramarlanakusama

 

 

Dall Empreendimentos promove Natal Solidário no São Vicente

 

Evento reuniu 32 famílias do bairro São Vicente para um almoço especial de Natal

A Dall Empreendimentos, que está há 10 anos no mercado, teve em 2019 um grande sucesso em vendas e para celebrar essa realização a empresa promoveu neste sábado (14) uma ação social de Natal.

O evento foi realizado em parceria com a Casa São Vicente de Paulo e beneficiou 32 famílias de crianças que são atendidas pela entidade. “Acreditamos que Natal é tempo de ficar em família e por isso decidimos reunir toda a família, e não só as crianças, para esse almoço especial”, explica o sócio-diretor da Dall Empreendimentos, Wadis Dall’Oglio Neto.

A festa começou com brincadeiras para as crianças, teve um delicioso almoço de Natal e, é claro, a chegada do Papai Noel que trouxe presentes para a criançada. “Esse é um pequeno gesto de retribuição que a Dall fez para a cidade de Itajaí. É muito bom ver o sorriso nos rostos das crianças recebendo os presentes e a alegria das famílias em estarem reunidas”, declara Neto.

A Casa São Vicente de Paulo atende crianças e adolescentes, de famílias de baixa renda, em contraturno escolar. A entidade oferece atividades e oficinas com objetivo de tirar as crianças da rua.

Sobre a empresa

A Dall possui duas obras em andamento: Rio do Ouro Clube Residencial, com 480 apartamentos, e o Edifício Contorno Sul, com 124 unidades. Ambos são um sucesso em vendas e estão com as obras a todo vapor.

No histórico da construtora estão também os residenciais Vitta Club e Marisanto, entregues em 2017 e 2014, respectivamente. Para 2020 a Dall Empreendimentos prepara um grande lançamento.