Lembranças natalinas

Registar a chegada da época natalina em família em studio fotográfico já se tornou um hábito para a família da colunista Marcella Zorzo.

Hoje aconteceu a sessão de fotos da Família no studio da fotógrafa Eliana Nazario Itajaí.

Todo ano, desde que a filha Helena, 04 anos nasceu, a família escolhe um profissional e regista esses momentos.

Com as fotos editadas a nossa colunista da dicas de como aproveita-las ao máximo.

“ Com a foto editada e em alta resolução enviada pela fotógrafa você pode mandar fazer “bolas de Natal” para pendurar na árvore de Natal. É possível também incluir na foto digital um texto de feliz Natal e enviar aos amigos na noite natalina. Outra opção é mandar revelar a foto e colocar em porta retrato e decorar a mesa de Natal. Com a foto impressa, ela pode virar um cartão postal para ser enviado por correio aos amigos e familiares…. e claro, não posso  deixar de dar a opção de postar as fotos na rede social.”

Pediatria sem mistérios

Você sabia que é importante levar seu filho ao pediatra mesmo quando ele está saudável? Essas consultas são chamadas de puericultura e têm o objetivo de conferir como está o desenvolvimento da criança, além de tirar as dúvidas que você possa ter, principalmente no caso das mamães de primeira viagem. E para entender um pouco mais sobre essa área da medicina que cuida dos nossos pequenos, fomos conversar com a pediatra Marlana Aparecida Kusama, que desde a faculdade percebeu que era na pediatria que estava a sua realização, a sua paixão e o seu caminho profissional. Natural de São Paulo, com formação e especialização na cidade de Curitiba, hoje se dedica a cuidar dos pequenos com dedicação máxima, na cidade de Itajaí. Confira o bate-papo.

Qual a hora certa para as mamães ou futuras mamães procurarem um pediatra?

Desde a gestação as famílias devem procurar um profissional bem capacitado, e que tenham confiança para cuidar de seus filhos.

E qual a importância e os benéficos de uma criança ter o acompanhamento do especialista desde cedo?

Uma consulta pediátrica é muito mais que pesar e medir, é acompanhar o desenvolvimento, cuidar da alimentação, dar apoio, prevenir levando as informações necessárias para as famílias que nos procuram, lembrando que a medicina é baseada em evidências. E se for preciso, diagnosticar o quanto antes os problemas que aquela criança possa apresentar.

O pediatra cuida do maior patrimônio da espécie humana: nossos filhos. Qual o sentimento de ter tamanha responsabilidade nas mãos?

A responsabilidade perante a vida de outra pessoa estar nas suas mãos é enorme, por isso, temos que estudar muito, atualizar, sem perder a essência da relação médico-paciente. Hoje em dia temos a tecnologia que pode ser nossa aliada, mas também pode dar muitas dores de cabeça para qualquer médico, então estarmos embasados para não aderir a certos “modismos” é muito importante também.

Além disso, cada família que entra em meu consultório me sinto muito grata, pela confiança em meu trabalho

SERVIÇOS:

Dra. Marlana Aparecida Kusama

Pediatra – CRM 22750 / RQE 13338

(47) 99202-1908 |99225-9206

Av. Osvaldo Reis, 3281 – sala 1003 | Riviera Businees & Mall | Itajaí – SC

@dramarlanakusama

 

Verão vibrante

Cores fortes, neon e detalhes metalizados prometem um verão vivo e vibrante. Confira algumas das principais tendências da estação em alguns looks de grifes do Balneário Shopping.

Dias floridos

Cores vibrantes e estampas tropicais marcam o clima de Primavera. Na SHOULDER, o closet já está pronto para os dias mais floridos do ano!

Tons vibrantes

Tons de rosa combinados aos tons de vermelho serão o must have deste verão. Este look da CHUÁ em tonalidades super acesas é um resumo do que está por vir.

Neon em tudo

Tendência da temporada, o neon injeta energia no guarda-roupa e faz par perfeito com jeans e básicos, como mostra Helena Bordon neste look da LE LIS BLANC.

Navy nas camisas

Um hit da estação, o estilo navy surge em camisas de diferentes modelos na nova coleção #summerstories da DUDALINA.

Conforto e frescor

Os looks que trazem as cores laranja e azul como protagonistas chegam emplacando a imagem de moda do verão. O vestido midi da MORENA ROSA possui conforto e frescor.

Tiras multicoloridas

Delicadas e estilosas, as tiras finas multicoloridas são tendência da estação. Nas versões rasteira e com salto bloco, as peças da AREZZO ganham um toque fashionista com a textura metalizada e os detalhes em amarração.

Balneário Shopping

Av. Santa Catarina, 1 – Estados, Balneário Camboriú – SC, 88339-005

 (47) 3263-8444

https://www.balneariocamboriushopping.com.br/

Rejuvenescimento em 4 dimensões!

Manter a aparência jovem e reduzir as marcas do tempo são desejos de muitas pessoas. Atualmente existem diversas opções de tratamento com esta finalidade, e normalmente a combinação deles é que traz os melhores resultados.

Dentre as opções podemos utilizar procedimentos a laser, e hoje em dia estão disponíveis equipamentos modernos, altamente eficazes e com pouco tempo de recuperação. O Rejuvenescimento com o laser Fotona 4D® possui particularidades permitindo ao dermatologista atuar em todas as camadas da pele, ou seja, em diferentes profundidades, otimizando os resultados.

Ele combina o uso de duas tecnologias diferentes de laser, o Neodimio YAG e o Erbium YAG, em diferentes modos, como o SMOOTH®, FRAC®, PIANO®, VERSA® e SUPERFICIAL™. O ajuste e modo de uso deste laser são escolhidos de acordo com cada paciente e tipo de pele, ou seja, é um tratamento personalizado. Faz parte desse tratamento a utilização de uma ponteira intraoral para estimular colágeno em camadas mais profundas antes não atingidas com a precisão atual.

Sua principal indicação é para tratamento da flacidez, do relevo e da textura da pele, melhorando também o contorno facial. O tempo se torna um aliado após o tratamento Fotona 4D®, pois ocorre estímulo da produção de colágeno que melhora a firmeza da pele com o passar de alguns meses, ou seja, existe um efeito imediato, mas também com benefícios a longo prazo.

Por não necessitar de tempo de recuperação, pode ser realizado em qualquer estação do ano, inclusive no verão. São indicadas uma a três sessões anuais. O procedimento é rápido, não invasivo, pouco doloroso, normalmente utilizamos apenas anestesia tópica 1 hora antes da aplicação. Não é necessário qualquer preparo prévio e o paciente pode retomar normalmente sua rotina, desde que siga as recomendações logo após o tratamento.

Por

Mariana Flessak | Médica dermatologista

CRM 12389 | RQE 11825

Educando com sabor

Além do ensino em sala de aula, o CE “Pintando o Sete” investe em atividades extracurriculares que são muito importantes para o desenvolvimento integral das crianças. Por meio delas, os pequenos podem adquirir habilidades e competências e experimentar o mundo de diferentes formas. Exemplo disto são as aulas de culinária ministradas por uma profissional nutricionista, que acontecem no espaço “ABC do Sabor”, uma cozinha toda equipada e adaptada para atender nossos alunos, pois entendemos que alimentação saudável é uma questão de educação. A cozinha e a alimentação têm um papel fundamental na maturação nutricional das crianças.

O principal objetivo dessas aulas é desenvolver hábitos saudáveis de alimentação, além de estimular o paladar para a apreciação e degustação dos mais variados sabores. Outra percepção importante a se desenvolver por meio das aulas de culinária é a oportunidade que as crianças têm de fazer e experimentar alimentos que são preparados por elas mesmas, além de aprenderem sobre medidas e quantidades, segurança com os utensílios da cozinha, se conscientizarem sobre o lixo produzido, desperdício, cuidado e respeito à natureza.  Ao prepararem os alimentos os alunos aprendem a trabalhar em equipe, ter noções básicas de higiene, praticam a paciência e constroem uma relação com a alimentação saudável. A criança pode estar mais aberta a experimentar novos gostos, desenvolver um paladar mais eclético e terá mais chances de manter uma alimentação de qualidade no futuro. As crianças associam a alimentação com um momento de prazer, de socialização e integração. É a possibilidade de tornar a aprendizagem mais significativa, descobrindo sabores, cheirando e identificando aromas, amassando e sentindo texturas, consistências e volume.

Estas aulas tornam-se uma ferramenta para mostrar aos pequenos que o alimento é um aliado no crescimento e desenvolvimento do seu corpo. Existe também a vantagem desses momentos serem um referencial de alimentos diferentes e desconhecidos pelas crianças, esse contato pode começar na escola e acompanhá-las mundo afora.

Por

Susana Mara Nunes

Coordenadora Pedagógica

 

Beleza e saúde: Cuidados diários e produtos específicos fazem parte da rotina de quem está empenhado em cuidar da pele

1) Higienização 

A rotina de cuidados começa sempre pela higiene facial, lembrando que o sabonete do rosto nunca deve ser o mesmo do corpo. A escolha vai depender do tipo de pele da pessoa, seja ela seca, sensível ou oleosa.

A limpeza remove a sujeira, suor, oleosidade e maquiagem, preparando a pele para os cuidados. O ideal é que seja feita duas vezes ao dia, pela manhã e à noite.

2) Tonificação 

O tônico auxilia em uma limpeza mais profunda, restaurando o pH natural da pele, além de prepará-la para receber o hidratante, antiaging ou outro tópico que será usado.

3) Hidratação

Todas as peles precisam de hidratantes, inclusive as oleosas. São eles que repõem a umidade e deixam a pele com aspecto aveludado e macio, além de aumentar a elasticidade.

4) Antioxidantes 

A Vitamina C é essencial pois possui propriedades antioxidantes, ou seja, é capaz de eliminar os radicais livres reduzindo os sinais de envelhecimento. Além disso atua na síntese do colágeno, que é responsável pela elasticidade, firmeza e sustentação da pele. O uso pela manhã, antes do filtro solar, é o mais recomendado.

5) Protetor solar

Use diariamente protetor solar no rosto e no corpo. Além de combater o envelhecimento precoce, o cosmético ainda protege a pele dos efeitos nocivos dos raios de sol que podem provocar câncer de pele. E tem mais: ele também protege contra o aparecimento de manchas, flacidez e rugas.

No dia a dia, devem ser usados produtos com pelo menos FPS 30, reaplicado 3 vezes ao dia. Porém durante exposições mais prolongadas ao sol o fator deve subir para 50 ou mais e a reaplicação de ocorrer a cada 2 horas e após suar e entrar na água.

Hoje temos filtros de qualquer tipo: com base, seco, hidratante, com vitaminas e até alguns que diminuem a oleosidade da pele. Então, não tem desculpa nenhuma para deixar de usar.

E tem um detalhe bem importante: providencie um protetor solar específico para o rosto e outro para o corpo. A pele da face é mais delicada e precisa de um produto que respeite essa diferença.

6) Limpeza de pele

Se realizada por uma esteticista habilitada, ajuda muito.

Ela serve para prevenir a formação de cravos, diminuir o desencadeamento de inflamações (prevenindo as lesões de acne), melhora a circulação, remove as células mortas e facilita a penetração de ativos de dermocosméticos na pele.

Por

Dra. Giane Pelegrini

Médica Dermatologista CRM/SC 11585 RQE 12128

Edifício Seixas Business Tower
Rua Dr. Nereu Ramos, 197 • Sala 805 (esquina com Av. Marcos Konder – ao lado do Hospital Marieta) Centro – Itajaí |SC

(47) 3311-3223 | 98866-8336
http://www.gianepelegrini.com.br
FACEBOOK – @dra.giane.pelegrini
INSTAGRAM – @dra.giane.pelegrini

 

União Rosa

Projeto reúne entidades não governamentais, empresas, profissionais da saúde e população em geral para aumentar a abrangência e dar forças às campanhas de prevenção ao câncer. 

 Tendo em mente que juntos somos muito mais fortes, o projeto União Rosa, criado em maio deste ano, chega para unir forças com toda a população de Santa Catarina na luta contra o câncer de mama. Um combate urgente para tentar reverter quadros como o da estimativa da Agência Internacional de Pesquisa sobre o Câncer (IARC) de que em 2030, 21,4 milhões de novos casos de câncer e 13,2 milhões de mortes por câncer devem ser registrados, em consequência do crescimento e do envelhecimento da população.

No Brasil, o câncer de mama é o que mais afeta as mulheres e infelizmente, ao contrário dos países desenvolvidos, a mortalidade pelo câncer de mama continua aumentando. Por isso, quanto mais cedo for descoberto, maiores são as chances de cura. A mamografia preventiva, ou de rastreamento, não evita o surgimento do tumor, mas é o exame mais eficiente para detecção do câncer de mama ainda não-palpável clinicamente (com menos de 1cm), que apresenta alto índice de recuperação se for tratado adequadamente.

Então, se prevenir é o melhor remédio, o que precisamos saber? Confira algumas informações superimportantes que o pessoal da União Rosa trouxe para nós.

Prevenção, quando iniciar? 

A prevenção do câncer de mama começa desde cedo. Muitos estudos já provaram que a qualidade de vida contribui diretamente para o desenvolvimento de algumas doenças, entre elas o câncer de mama. Dieta inadequada, sedentarismo, tabagismo, consumo exacerbado de bebidas alcoólicas, estão entre os fatores de risco que aumentam a chance de desenvolver câncer.

Além disso e consulta periódica com o médico assistente, seja ele o ginecologista ou o próprio mastologista, é fundamental para orientações e realização dos exames de rotina conforme a idade. O exame físico realizado por um especialista associado a exames de imagem, como a mamografia, comprovadamente reduz a chance de desenvolver o câncer de mama.

Qual a frequência ideal para realizar exames de rotina?

O exame chamado de rotina da mama, igualmente, inicia desde cedo com as consultas periódicas da mulher com o seu ginecologista. Geralmente apenas o exame de físico da mama é o necessário para as pacientes jovens e sem histórico de risco para desenvolvimento da doença. Porém, com o aumento de idade, a mulher entra numa faixa etária de maior risco a partir dos 40 anos. Nesse momento aumentam os cuidados para a detecção precoce do câncer de mama.

As principais sociedades médicas no Brasil e no mundo são unânimes em recomendar o rastreamento mamográfico para as mulheres assintomáticas, iniciando a partir dos 40 anos ou 50 anos (dependendo do país), com uma periodicidade anual ou bienal (também variando em alguns países). No Brasil, as sociedades médicas recomendam o rastreamento mamográfico anual para as mulheres a partir dos 40 anos.

Exames preventivos 

Deve-se enfatizar que a mamografia é o único exame que, quando realizado de maneira sistemática a partir dos 40 anos em mulheres assintomáticas, comprovadamente leva a uma redução da mortalidade pelo câncer de mama. Isso foi demonstrado através de grandes estudos realizados em mais de 500 mil mulheres, sendo observado uma redução da mortalidade que variou entre 10% a 35% no grupo de mulheres submetidas ao rastreamento em relação às que não eram submetidas.

Principais sinais de alerta 

É muito importante que a mulher conheça a sua mama, para que ela possa perceber alguma alteração. Nesse sentido é que o autoexame das mamas é recomendado. O autoexame não substitui a avaliação de um médico especialista, ele apenas auxilia para que a paciente conheça melhor a sua mama e possa identificar alguma alteração. Qualquer alteração diferente do habitual que a mulher perceba na sua mama, ela deve procurar um especialista para esclarecimento, mesmo que seus exames de rotina ainda estejam em dia.

Homens e o câncer de mama

Os homens assim como as mulheres também podem ter câncer de mama, porém numa frequência menor. A cada 100 mulheres, apenas um homem desenvolve a doença. O recomendado é que o homem se alerte sobre alguma alteração na sua mama e não demore em procurar atendimento com um especialista. Muitos homens postergam a consulta com mastologista por achar que homem não pode ter câncer de mama, ou por preconceito de ser uma doença que acomete mais mulheres e isso pode dificultar muito o tratamento.

Para quem acaba de descobrir que está com câncer, o que as entidades de nossa região têm a oferecer a estas pacientes? 

Nossa região tem centros de diagnóstico e tratamento especializados em doenças neoplásicas, dentre elas o câncer de mama. Seja pelo Sistema único de saúde (SUS), ou planos privados e particulares todas as pacientes da região dispõe de profissionais especialistas e tratamento completo da doença. Em Itajaí temos um centro de pesquisas em câncer de mama, com estudos de nível internacional e bem qualificados para as pacientes, sendo um diferencial na nossa região.

A autoestima e apoio

A paciente que recebe o diagnóstico de câncer de mama, passa por uma mudança significativa na sua vida. Seja no aspecto físico ou emocional, estar do lado de pessoas que entendam esse momento é fundamental. A família e amigos são o maior elo de confiança de uma pessoa e ter esse apoio num momento de insegurança e fragilidade repercute muito no tratamento dessas pacientes. Toda a paciente que tem câncer de mama passa por algum momento de medo, raiva ou negação e os médicos, amigos e familiares exercem esse papel de apoio e confiança.

Além desse aspecto emocional a mama tem uma conotação física associada a mulher. A mama é nossa parte do corpo exposta que mostra nossa feminilidade, maternidade e sensualidade, e mexer nela traz grande ansiedade e medo.

Com a evolução da cirurgia mamária hoje conseguimos reconstruir a mama muitas vezes no mesmo momento da cirurgia para tratamento do câncer, o que ameniza esse sofrimento. É comum vermos pacientes mais felizes com o resultado estético da mama após o tratamento do que antes e isso é muito recompensador. Mas para isso é necessário que a doença não esteja avançada, pois quanto mais tarde descoberta a maior a dificuldade de poder oferecer um tratamento adequado.

Infelizmente, ainda fazemos mastectomias sem conseguir reconstruir a mama, por diagnósticos tardios. A luta dessa campanha para o diagnóstico precoce traz repercussões enormes para um tratamento adequado, que valorize a mulher no seu aspecto físico e emocional, e para a cura das pacientes portadoras de câncer de mama e por isso tamanha a importância dela.

União Rosa em ação

Confira algumas atividades que o projeta União Rosa irá desenvolver em outubro e nos demais meses deste ano e de 2020.

* Caminhadas

* Aulas de Yoga

* Mindfulness

* Talk Show com profissionais da saúde de todas as áreas

* Ensaio fotográfico e exposição de fotos

* Palestras pelas escolas da região durante todo ano, além de incentivo para as empresas levarem campanhas de prevenção para todos seus colaboradores.

Caso você tenha interesse em participar do projeto União Rosa, entre em contato com Isabela pelo telefone (48) 99967-9574. Todos são bem-vindos! 

 

 

Os prazeres e o cérebro

Em tempo de acaloradas discussões ideológico-políticas no Brasil e no mundo, vamos tratar de assuntos amenos e saudáveis. Dores e prazeres são reações do corpo ou do cérebro? Bem, o cérebro faz parte do corpo, então não faz sentido disputar a autoria. Porém, como explicar a dor ou coceira num membro amputado? O livro “Fantasmas no cérebro” responde a esta pergunta.

Há bons estudos sobre o cérebro e as sensações físicas. A neurocientista Suzana Herculano Houzel divulga em “Sexo, drogas, Rock’roll e chocolate” que cafezinho e chocolate em excesso queimam neurônios, álcool, cigarro, maconha, cocaína, crack, em menor ou maior grau, queimam neurônios. O único prazer inofensivo é o prazer sexual, que de quebra é um poderoso antidepressivo, antiestresse e ansiolítico.

Sobre o prazer sexual pairam tabus culturais históricos que aos poucos vão sendo superados. Visto como sujo, feio, pecaminoso, impuro. E Deus como o autor da censura. De outro lado a ciência afirma que é um santo remédio. É inútil e prejudicial reprimir um impulso tão forte da natureza. Graças a ele a humanidade continua. A ênfase foi colocada na função procriativa, e agora se reconhece que a função recreativa é legítima e altamente benéfica, não havendo razão para preconceito ou repressão. Sobre o tema há um ótimo livro de Regina Navarro Lins, “A cama na varanda”.

A associação dos prazeres da vida ao demônio e do sofrimento a Deus é uma tremenda incongruência. As religiões dizem que nascemos para a felicidade e ao mesmo tempo pregam a austeridade, a renúncia, o sacrifício. Mas lá no Gênesis ao narrar a criação se diz que “Deus viu que tudo era bom”. Aí o eterno dilema: como explicar o mal? Difícil, porque ele também existe. Mas colocá-lo na conta dos prazeres é sacanagem. Com o perdão do termo.

Por

Ivo Fachini

Psicoterapeuta

http://www.ivofachini.com.br

LIFTING CERVICAL (PAPADA)

Uma das áreas do corpo que mais sofre esteticamente com os efeitos do tempo é a região
cervical. Ou seja, a do pescoço.

São diversos fatores que podem gerar descontentamento estético com a região, como a
perda de elasticidade da pele por falta de colágeno, a ação da gravidade e o acúmulo de gordura. O incômodo com a aparência do pescoço é agravado pelo fato de ser uma área muito visível do corpo, especialmente em épocas mais quentes em que ela fica mais exposta.

Por esses motivos, a região cervical possui grande peso na autoestima de uma pessoa, podendo afetá-la negativamente quando há desagrado. Entretanto, existem procedimentos cirúrgicos que atenuam os efeitos da idade e da gravidade nessa área, como o Lifting Cervical e a Lipoaspiração.

O Lifting Cervical é um procedimento que consiste em reparar a pele do pescoço, suavizan-
do características indesejadas como rugas, flacidez e excesso de pele.

A cirurgia é realizada através de incisões precisas na parte de trás das orelhas a fim de
causar o mínimo possível de cicatrizes visíveis. O resultado buscado é o aprimoramento do
formato do pescoço e da linha do queixo, conferindo rejuvenescimento e uma forma mais harmônica.

O Lifting Cervical é muitas vezes realizado em conjunto com a lipoaspiração da região
do pescoço, com o intuito de remover o excesso de gordura da região e eliminar a indeseja-
da “papada”, potencializando o resultado estético e conferindo um aspecto mais magro ao rosto.

Geralmente, a recuperação da cirurgia se dá em um período de aproximadamente 2 sema-
nas, ao fim do qual, o paciente já pode realizar atividade física moderada.

Se o aspecto do pescoço ou a “papada” está se tornando um fator de descontentamento
com a aparência, talvez seja o momento de consultar um profissional para avaliar sua situ-
ação. É sempre bom verificar se esse profissional é membro da Sociedade Brasileira de Ci-
rurgia Plástica – SBCP, e quais especializações ele possui. Em meu site você tem acesso a to-
das essas informações!

Por

Dr. Guilherme Luis Schmitt
Cirurgião Plástico CRM/SC 18.239
Especialista pela Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica

Itajaí
Riviera Business Mall
(47) 3021-5921 | 99293-4020
Av. Osvaldo Reis, 3281 – Sala 1503 – Praia Brava

Gaspar
Atitude Centro Empresarial
(47) 3332-8286 | 98480-8286
Rua São José, 253

Marcella Zorzo, pelo olhar de Fran Dresch

“Através do meu olhar, torno sua essência imortal.”

Marcella Zorzo, 28 anos, é mãe, empresária, advogada, esposa, influencer digital, colunista da Revista Bem Estar e MULHER.

Nesse mês a Marcella tomou a decisão de aceitar o desafio da fotógrafa Fran Dresch e posou em frente as lentas da fotógrafa em um ensaio feminino e intimista.

A Marcella nos contou sobre a sua experiência de ser fotografada: “Pra mim o primeiro ponto era definir quem seria a fotógrafa, tinha que ser uma profissional com expertise no assunto”.

Comentou conosco que há dois anos trás recebeu uma indicação de uma profissional que havia se especializado e com vasta experiência em sessões de fotos femininas e intimistas de mulheres. 

A Marcella nos revelou que na conversa com a fotógrafa o que mais chamou a sua atenção no trabalho da fotógrafa Fran Dresch foi que ela fotografava mulheres de todas as idades, principalmente as mais maduras, não só com idade avançada mas mulheres que já são mães, casadas ou separadas, ou seja mulheres que já tiveram certa bagagem na vida e que por se dividirem entre tantos amores, acabaram em algum momento do percurso deixando, sem querer e sem perceber seu “amor próprio” de lado, seu cuidado pessoal com o corpo e mente para atender “outras prioridades”.

 A colunista nos revelou que na conversa com a fotógrafa Fran Dresch se sentiu tão distante e em um cenário tão irreal de uma sessão de fotos com lingere, diz que não por vergonha do corpo, ou por ficar seminua na frente de outra pessoa, mas por não entender a lógica ou sentido de fazer uma sessão de fotos assim, por se perguntar o que faria com essas fotos, se  mostraria para quem? Se iria postar essas fotos nas redes sociais? 

Levou o tempo certo na opinião da Digital Influencer, mãe e esposa para perceber que com os anos e sentindo as mudanças do meu corpo pós gravidez e com tantas responsabilidades, que havia esquecido de cuida-se e então tomou a decisão de colocar seu corpo, mente e saúde como prioridade.

A sessão de fotos aconteceu esse mês e a Marcella conta que foi maravilhoso, disse que “ a fotógrafa Fran tem uma voz doce, me guiou de uma forma leve, que não senti vergonha, não senti medo, nem insegurança, não liguei se poderia estar em alguma parte do corpo mais gordinha porque a Fran me convidou em alguns momentos da sessão de fotos a fechar os olhos, me abraçar, me sintonizar com meu corpo com aquele momento”.

Por trás das lentes a fotógrafa nos contou que há sete anos despertou o olhar para o feminino, quis ouvir as mulheres e retrata-las, mostrar a beleza única de cada processo de amadurecimento e crescimento intimo da mulher, mostrar delicadamente outra forma de olhar para si mesma através do meu trabalho, é algo não só único e especial, mas é algo que me emociona demais, arrepia, ouvir as histórias e transmitir a auto percepção requer muito cuidado e carinho com o outro, de forma leve, sutil e intimista.

A fotógrafa Fran Dresch  também compartilhou conosco seu sentimento ao realizar a sessão de fotos: “Ter fotografado a Marcella nesse momento foi muito especial, contar a história dela, a conexão que tivemos ao decorrer do tempo até que de fato as fotos acontecerem. Foi todo um processo de amor próprio e auto descoberta eu diria. A Marcella me permitiu transmitir a beleza que ela tinha que nem mesmo ela sabia, a busca do auto cuidado é sempre um exercício diário, o se olhar e o permitir que o outro te olhe, e esta tudo bem como é.  O resultado está especial demais. Fotografei com muito amor e conexão e vocês podem conferir algumas fotos abaixo”.

Por

Marcella Zorzo

@marcellazorzo

@guidafamiliadesc