DIMINUIR BRINQUEDOS PARA GARANTIR DIVERSÃO E CRIATIVIDADE

Excesso de brinquedos pode entediar as crianças rapidamente, além de impedir que ela explore novos elementos e use a imaginação

Pergunte para uma criança o que ela quer ganhar de presente. A grande maioria vai responder brinquedos. Mas quem tem filhos já percebeu que a empolgação é na hora de abrir o embrulho. Logo, ela perde o interesse e o brinquedo se junta aos montes que se acumulam no quarto.

Brincar é fundamental para o desenvolvimento social, emocional, físico e cognitivo das crianças – é como elas descobrem o mundo e a elas mesmas; mas isso não quer dizer que elas precisem de muitos brinquedos. Elementos não estruturados e encontrados na natureza – como folhas, caixas, pedras… – costumam entreter as crianças por mais tempo e estimulam a criatividade. “Um pote com uma colher, por exemplo, garantem diversão por bastante tempo e ainda deixam a imaginação vir à tona –mais que brinquedos cheios de cores, luzes e barulho”, garante a educadora parental Ana Paula Franz.

O excesso de brinquedos pode, inclusive, ser prejudicial. “Quando enchemos uma criança de brinquedos damos a ela muita informação para processar. Então elas se frustram, ficam irritadas e se entediam rapidamente”, explica. Uma dica é apresentar os brinquedos aos poucos para evitar a sobrecarga de informação e, quando seu filho cansar, trocar para ele explorar um novo.

BRINCAR SOZINHA OU ACOMPANHADA

A criança deve brincar sozinha e acompanhada, pois as duas maneiras contribuem de forma diferente para o aprendizado. Os pais devem aproveitar esses momentos – de brincadeira, leitura, passeios – para se conectar aos filhos e ensinar habilidades de vida. “É uma oportunidade de mostrar como se comportar no mundo real enquanto brincam de comidinha, conversam com os bonecos, por exemplo. Tem muitas formas de demonstrar às crianças a importância das boas maneiras, de dividir as coisas, de esperar a sua vez. Assim elas aprendem e ainda ficam felizes de estar com quem amam”, argumenta Ana.

Brincar sozinha, por sua vez, ajuda a criança a desenvolver a imaginação, solucionar problemas e ter autoconfiança. “As crianças precisam de um tempo sozinhas. Isso significa confiar e oferecer oportunidades para explorarem. Sempre monitorando e garantindo que estejam seguras”, pondera Ana.

FESTIVAL DE PRIMAVERA EUREKA

Em uma rua escondidinha e pacata da cidade está a Eureka Brinquedos. Ao entrar na rua você já dá de cara com uma linda arte urbana indicando o caminho desta charmosinha e encantadora loja, que transformou esse muro que era feio e abandonado em uma arte cheia de alegria. Ao entrar na loja, um gigante avião de madeira deixa claro que, ali encontra-se um universo paralelo de brinquedos nada convencionais e cheinhos de propósito. Uma mistura de sentimentos nostálgicos vem à tona, e uma vontade de voltar a infância… E o melhor de tudo, ali você não precisa de uma máquina do tempo porque a loja te faz lembrar que dentro de nós ainda há uma criança que apenas cresceu. Por isso mesmo, tem ainda opções de brinquedos para crianças de todas as idades – de 0 a 99 anos- ou seja até para as crianças maiorzinhas.

E os brinquedos, em sua grande maioria de madeira, além de lindos e muito exclusivos, vão além daquilo que é temporal. Não eles não estão nos principais canais de TVs infantis…. São brinquedos que despertaram a criatividade, que permitem um jeito inteligente de brincar, que ajudam no desenvolvimento de diversas habilidades e que são ingredientes para uma infância saudável e bem vivida.

E a Eureka não pára por aí. No seu esconderijo quase secreto, proporciona experiências para as crianças e para as famílias, através de eventos como o dia de brincar, oficinas, e o mais recente deles que foi o Festival de Primavera, que acontece na pracinha, em frente à loja, no qual teve teatro com bonecos, música, brincadeiras, shows, pintura, plantação de sementes, rodas de conversa sobre sustentabilidade desde a infância, atividades para autistas e muito mais…

FOTOS ANEXAS – Diana Dornelles

Proprietários da loja: Kariny e Marcelo Brum

 

EUREKA BRINQUEDOS

Rua 100, 52 – sala 04 – Centro, Balneário Camboriú – SC

“É brincando que se aprende…”

Quem nunca ouviu esta frase? Que a brincadeira é essencial para o desenvolvimento saudável da criança em múltiplos contextos, não é mais uma novidade. Entretanto, cada dia que passa a agenda dos pequenos está cada vez mais lotada de atividades, as práticas de ensino mais sistematizadas e junto disso, a superestimulação frequente do uso de aparelhos eletrônicos faz com que as crianças fiquem mais dispersas, ansiosas e tenham pouco tempo e disposição para criar e brincar de forma livre.

A brincadeira muitas vezes é vista como mero entretenimento, mas ela é muito mais do que isso: é uma forma de aprendizagem. De acordo com a especialista na área Tizuko Morchida Kishimoto, é a partir da brincadeira que a criança desenvolve suas habilidades cognitivas, motoras e sócio-afetivas, distingue o que é real e imaginário, trabalha suas emoções e ensaia soluções para seus desafios cotidianos. Tudo isso de forma prazerosa e natural. Desta forma, o lúdico se tornou uma proposta educacional que direciona e facilita o processo de ensino-
aprendizagem.

Com intuito de estimular uma infância mais livre e criativa a Eureka Brinquedos Educativos, oferece uma grande variedade de brinquedos de madeira, educativos, científicos e robóticos, pensados para todas as instâncias do desenvolvimento. A linha de brinquedos é direcionada a crianças de “0 a 99 anos”, ou seja, acreditamos que o lúdico sempre está presente em novas vidas, possibilitando novas aprendizagens!

Por

Olivia Kruger 

Psicóloga e mestranda em Saúde e Desenvolvimento Psicológico Eureka Brinquedos Educativos

Eureka Brinquedos Criativos

http://www.eurekabrinquedos.com.br

Rua: 100, n° 52 – Centro | Balneário Camboriú | 47 3398.0106   47 99714.4966

Brinquedos para crianças são ótimos, mas brinquedos que ajudam a pensar são melhor ainda!

Toda forma de brincar e proporcionar isto para a criança é algo muito importante para o seu desenvolvimento. No entanto, alguns brinquedos fazem tudo pela criança, não estimulando a imaginação dos pequenos. Alguns brinquedos que não possuem forma estruturante, como é o caso das “sucatas” (caixas vazias, embalagens, tampas e outros), num instante este materiais viram casinha, carrinho, cabana e muito mais. Basta deixar a imaginação fluir e ter materiais que possam estimular a criatividade.

Quando a escola de educação infantil tem como um dos seus objetivos desenvolver o imaginário e estimular a criatividade das crianças, esta é uma proposta bem interessante para o trabalho com esta faixa etária. Construir brinquedos com sucata oferece oportunidades para a criança explorar várias de suas habilidades, uma delas é exercitar seu poder de tomar decisões, de expressar sentimentos e de interagir consigo e com o mundo no ato da brincadeira desafiando a imaginação por meio da exploração dos materiais disponíveis.

É importante ressaltar que este recurso didático deverá ter a supervisão sempre de um adulto, e a higiene destes materiais é fundamental, de modo a não oferecer nenhum risco de segurança à criança. O importante, diante disto tudo, é fazer com que a criança tenha um momento para pensar, explorar e criar, não havendo interferências para que façam por ela, deixando a criança participar ativamente.

Construir brinquedos com sucata é uma atividade divertida que pode ser feita não só na escola, como também em família. Os finais de semana com chuva, por exemplo, nos quais as crianças nem sempre tem muito o que fazer, esta atividade vem como uma proposta divertida de interação e aprendizagem para todos!!!

Daniela Gomes Medeiros
Pedagoga com Especialização em Gestão Escolar
Mestranda em Educação – PPGE – Univali
Coordenadora Pedagógica do Centro Educacional “Pintando o Sete”

Brinquedos educativos do Special Toys do Balneário Shopping propõem uma nova forma de ensinar

Logo de cara, as peças de encaixar, brincar e criar cativam pelas cores e formatos. De madeira, pano ou cordas, os brinquedos educativos têm uma proposta nobre e bem definida: ensinar com criatividade. Idealizado pela pedagoga carioca Ana Carla Batista Esquival, a Special Toys do Balneário Shopping vem fazendo o maior sucesso neste início de ano letivo entre pais, professores, psicólogos e outros profissionais ligados diretamente à Pedagogia e ao desafio de educar.

O espaço – localizado no pavimento térreo do shopping – conta com uma linha especial de brinquedos que trabalham o lado cognitivo e jogos que utilizam, principalmente, o raciocínio lógico da criança. Alfabeto Ilustrado em diferentes idiomas, Memória de Animais Vertebrados, Bate Martelo, Sequências Lógicas e Jogo da Tabuada são algumas das opções encontradas na Special Toys do Balneário Shopping.

Para a pedagoga, o diferencial das peças está justamente em um resgate do brincar de forma lúdica, algo que os adultos de hoje em dia tiveram na infância. “A garotada atual está extremamente conectada em tecnologia. Opções como as da Special Toys despertam a criatividade e o lúdico dos momentos”, observa a empresária, que notou um crescimento do interesse neste início de ano, já que algumas escolas solicitam brinquedos educativos em suas listas de materiais.

Mãe de uma menina autista, Ana Carla conta que a proposta de trazer brinquedos que despertassem a parte cognitiva dos pequenos – com base nos desafios diários que tinha em casa – foi o que a motivou a trabalhar com uma linha especial. Os cuidados também se estendem para questões ambientais e de consumo, já que os brinquedos são, em sua maioria, de madeira reflorestada e com durabilidade superior aos tradicionais, possibilitando que muitas crianças da mesma família, por exemplo, compartilhem do mesmo jogo.