Acne

Acne é o nome que se dá para o que chamamos popularmente de “cravos” e “espinhas”. Trata-se de uma doença de pele que afeta uma estrutura chamada folículo pilo-sebáceo, formada por uma glândula sebácea e por um “canal” em que se forma o pelo.

A acne pode ter influência hereditária, além disso, está relacionada aos hormônios sexuais masculinos ou andrógenos, produzidos tanto em homens quanto em mulheres. A elevação destes hormônios durante a adolescência provoca um aumento da produção de gordura pelas glândulas sebáceas da pele, fazendo com que a doença seja muito comum na fase da adolescência. No entanto, não é exclusiva dessa faixa etária, podendo persistir na idade adulta e, até mesmo, surgir nesta fase, sendo mais frequente em mulheres.

Causas

Sabe-se que quatro fatores são importantes na formação desse quadro:

  • O excesso de óleo (sebo): a glândulas sebáceas produzem oleosidade em excesso.
  • Folículo obstruído: causado pelo sebo que não consegue fluir livremente para a superfície da pele. Se isto acontecer, surge o “cravo”.
  • Bactérias: No ambiente criado dentro do folículo obstruído, uma bactéria chamada Propionibacterium acnes se multiplica transformando o cravo em espinha.
  • Inflamação: As bactérias produzem substâncias inflamatórias que determinarão qual o tipo de acne se desenvolverá.

Como na adolescência a aparência é um fator importante, o comprometimento estético ocasionado pode atingir o lado psicológico e tornar o adolescente inseguro, tímido, deprimido, infeliz, com rebaixamento da autoestima e com cicatrizes que podem persistir pelo resto da vida. Quando necessário, deve ser fornecido suporte psicológico.

TRATAMENTO

É importante buscar ajuda dermatológica, o mais precocemente possível, mesmo se os sintomas forem leves, ou durante os primeiros estágios, pois o tratamento médico é recomendável não só por razões estéticas, mas também para evitar que a condição piore, além de prevenir cicatrizes (marcas da acne) tão difíceis de corrigir na idade adulta. Está ultrapassada a ideia de que não se deve tratá-la por ser considerada “própria da idade”, “de que vai desaparecer com o tempo” ou “de não ser doença”.

O tratamento da acne deve ser orientado por um médico dermatologista, que é o profissional capacitado para indicar os medicamentos ideais para cada caso. Ele varia de acordo com a gravidade do caso e o tipo de pele, e para o tratamento podem ser utilizadas tanto medicações orais, quanto locais.

É importante ressaltar que o tratamento para a acne leva tempo para fazer efeito. A regra geral é de 4 a 8 semanas, embora possa demorar até três meses, e os sintomas podem piorar antes de melhorar. Os pacientes podem desanimar e desistir com facilidade, por isso é importante insistir e manter a rotina, mesmo se não houver uma mudança imediata para melhor.

Independentemente do tratamento escolhido, alguns cuidados com a pele são sempre recomendados. São eles:

– Higienização da pele;

– Remoção diária da maquiagem;

– Uso de produtos oil-free ou não comedogênicos (incluindo o protetor solar).

– Não espremer as lesões! Ao espremer cravos e espinhas, há o risco de infecção, inflamação e cicatrizes.

– A limpeza de pele, que pode ser realizada por esteticistas devidamente capacitadas, tem ação importante para o esvaziamento de lesões não inflamatórias (cravos), evitando a sua transformação em espinhas.

– Apesar de não ter participação na causa da doença, a dieta pode ter influência no curso da acne em algumas pessoas. Dietas ricas em açúcar, leite e seus derivados devem ser evitados pelos pacientes que apresentem acne e percebam agravação dos sintomas após a ingestão dos mesmos.

Por

Dra. Giane Pelegrini

Médica Dermatologista CRM/SC 11585 RQE 12128

Edifício Seixas Business Tower
Rua Dr. Nereu Ramos, 197 • Sala 805 (esquina com Av. Marcos Konder – ao lado do Hospital Marieta) Centro – Itajaí |SC

(47) 3311-3223 | 98866-8336
http://www.gianepelegrini.com.br
FACEBOOK – @dra.giane.pelegrini
INSTAGRAM – @dra.giane.pelegrini

Cuidados com a pele no inverno

No inverno o clima fica mais seco por causa da baixa umidade do ar, deixando nossa pele mais ressecada e áspera. E para nós que moramos no Sul do Brasil, onde o frio é mais intenso, estas mudanças podem ser percebidas facilmente. Além disso, passamos a tomar banhos mais quentes, que reduzem a oleosidade natural da pele contribuindo com a piora do quadro.

Mas é possível passar pela estação mais fria do ano mantendo a pele saudável e bonita com alguns cuidados. Confira algumas dicas:

1) Beba água

A hidratação também é feita de dentro para fora. É comum que no tempo frio, devido a menor perda de água pelo corpo, as pessoas não tomem tanta água como no verão, o que é errado, pois a ingestão diária de água deve ser, em média, de 2 litros. Você pode variar bebendo águas saborizadas, sucos, chás e sopas.

2) Nada de banho muito quente

Evitar banhos muito quentes ou demorados. A água quente pode ressecar ainda mais a pele, que fica mais sensível nesta época do ano.

Evite o uso excessivo de sabonete, principalmente nos braços e pernas, pois em excesso eles retiram a oleosidade natural da pele, deixando-a mais ressecada e suscetível a infecções. O ideal são as versões mais hidratantes e suaves, livres de detergentes ou agentes irritantes.

3) Não esqueça o hidratante

Passar cremes hidratantes logo após o banho é fundamental, e reaplicar conforme a necessidade ao longo do dia. Abuse deles nos locais mais ásperos do corpo como joelhos, cotovelos e calcanhares.

4) Cuidados com os lábios

Os lábios também costumam ressecar muito no inverno. É importante usar hidratantes específicos para essa região e, assim, evitar rachaduras. Dê preferência aos que possuem protetor solar.

5) Use água termal

Para quem acha que é água termal é uma água comum, se engana. Ela é extraída de fontes termais especiais, é rica em minerais e possui propriedades hidratantes, calmantes e regenerantes, que ajudam no cuidado com a pele. A dica é dar uma pequena borrifada no rosto logo após o banho, deixar secar e aplicar um hidratante.

6) Protetor solar também no inverno

Não deixe de usar o protetor solar diariamente. Apesar de os raios ultravioletas estarem menos intensos que no verão, a proteção solar se faz necessária.

7) Boa época para tratamentos estéticos

O lado positivo do inverno é que a ausência de sol forte beneficia diversos tratamentos. É a melhor época do ano para cuidar da pele do rosto, fazendo uso de produtos mais fortes, como o ácido retinóico, que além de estimular o colágeno, atuando no tratamento de rugas, pode corrigir manchas adquiridas com o sol do verão. Também é a época ideal para se fazer peelings químicos, tratamentos a laser e microagulhamento, que tratam manchas, rugas e flacidez.

Agende sua consulta e aproveite para cuidar ainda mais da pele nesta estação!

Por

Dra. Giane Pelegrini

Médica dermatologista 

CRM/SC 11585 RQE 12128

Edifício Seixas Business Tower 

Rua Dr. Nereu Ramos, 197 | Sala 895 – Centro – Itajaí – SC

(47) 3311-3223 / 98866-8336 Whats App

Facebook: Dra. Giane Pelegrini | Instagram: dra.giane.pelegrini

Giane Pelegrini

Dermatologia trabalhada com eficiência e com foco no atendimento humanizado.

Dizer que a médica dermatologista Giane Pelegrini é apaixonada por sua área de atuação pode até parecer clichê, mas é a mais pura verdade. E, segundo ela, é esse amor que a impulsiona ir além, a se dedicar e a se manter em constante estudo e aprimoramento. Formada em medicina pela Universidade do Vale do Itajaí (Univali), em 2004, e especialista em dermatologia em 2010, Giane é membro titular da Sociedade Brasileira de Dermatologia (SBD) e da Sociedade Brasileira de Cirurgia Dermatológica (SBCD). Entre os seus últimos cursos de aperfeiçoamento,
destaque para o de Cirurgia Dermatológica, Cosmiatria e Laser pela Sociedade Brasileira de Cirurgia Dermatológica (SBCD), realizado na cidade de São Paulo, durante todo o ano de 2018.

Atuando especificamente na área da dermatologia há nove anos no mercado de Santa Catarina, Giane revela que um dos seus grandes sonhos pôde ser realizado em 2018, o de ter um espaço próprio projetado para oferecer a melhor experiência aos seus pacientes. E revela ainda que tudo e todos os detalhes foram pensados cuidadosamente e podemos dizer que com o seu toque final na decoração, o consultório é puro charme e aconchego. Isso sem mencionar que conta com modernos equipamentos tanto para área estética quanto para o tratamento de doenças.

Com agenda cheia, a dermatologista se desdobra nos atendimentos personalizados e na constante busca por aperfeiçoamento. “Adoro o meu trabalho, e vivo a dermatologia de forma intensa e completa. Este é um dos fatores que me possibilita estar em constante evolução na área. Isso sem falar que sou fascinada por casos que me desafiam ir além e a buscar os melhores resultados aos meus pacientes”, pontua a médica. E entre os diferenciais que oferece
em seu consultório, destaque para o atendimento personalizado e humanizado. “Aqui meus pacientes são acolhidos em um ambiente tranquilo e com mimos. Isso porque cada um deles é único para mim”, revela.

Atuante na sociedade, Giane procura também levar informação de qualidade a toda a população. Para isso, mantém suas redes sociais e site em constante atualização com artigos, dicas e novidades da área. “Me sinto na obrigação de levar ao maior número de pessoas um conteúdo relevante em relação a importância e cuidados que devemos ter com nossa pele de forma geral. Afinal, dermatologia não é apenas estética, mas, sim, sinônimo de saúde e qualidade de vida”. Além disso, Giane comenta que é por isso que o contato com seus pacientes não se dá apenas no consultório, pois sempre que solicitada nas redes sociais, por exemplo, ela mesma faz questão de tirar dúvidas e responder as inúmeras mensagens que recebe.

E como simpatia, carisma e qualificação ela tem de sobra, confira alguns serviços disponíveis no consultório da dra. Giane Pelegrini:

• Dermatologia pediátrica: prevenção, diagnóstico e tratamento de doenças da pele que podem atingir bebês, crianças e adolescentes.
• Dermatologia clínica: prevenção, diagnóstico e tratamento de doenças que acometem a pele, unhas e cabelo.
• Dermatologia cosmiátrica: procedimentos estéticos que têm como objetivo manter a saúde, beleza e jovialidade da pele.
• Dermatologia cirúrgica: procedimentos realizados na pele, como biópsias; remoção de sinais/ pintas ou câncer de pele e aplicação de Nitrogênio Líquido (crioterapia).

Por

Edifício Seixas Business Tower
Rua Dr. Nereu Ramos, 197 • Sala 805 (esquina com Av. Marcos Konder – ao lado do Hospital Marieta) Centro – Itajaí |SC

(47) 3311-3223 | 98866-8336
http://www.gianepelegrini.com.br
FACEBOOK – @dra.giane.pelegrini
INSTAGRAM – @dra.giane.pelegrini